Polícia

Idoso tem caminhonete e cerca de R$ 2.600 roubados

Um idoso de 60 anos foi feito refém por quatro ladrões e teve a caminhonete roubada em Uberaba na noite de segunda-feira (18). Além do veículo, os criminosos fugiram levando um celular, documentos, chaves, mercadorias e cerca de R$ 2.600 em dinheiro.
Segundo a Polícia Militar (PM), o idoso contou que seguia de Hilux pela avenida Deputado José Marcus Cherém e, assim que passou um quebra-molas próximo ao cruzamento com a rua Clóvis da Cunha Prata, foi surpreendido por quatro indivíduos, dois deles armados, que ficaram em frente à caminhonete e o obrigaram a parar.
A vítima foi transferida para o banco de trás e todos os ladrões entraram na Hilux. Um dos criminosos assumiu a direção e fugiu sentido a BR-050. Após certo tempo, ele seguiu com o veículo até um canavial na zona rural, onde os assaltantes retiraram a mercadoria de duchas higiênicas que estava na caminhonete e passaram para outro veículo, onde também roubaram os pertences da vítima.
Depois, o idoso foi colocado nesse outro veículo e abandonado na AMG-2595 (antiga avenida Filomena Cartafina). O grupo fugiu e ainda não foi encontrado. Quem tiver informações pode ligar para o 190 ou o 181.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.