Polícia

Ladrão furta em estabelecimento no Cidade Nova e vai preso

Acusado foi flagrado pelas câmeras de segurança do local

Homem acusado de furto em estabelecimento comercial foi preso pela Polícia Militar após ter sido flagrado por câmeras de segurança. O criminoso ainda conversou com a vítima antes de fugir com o aparelho celular subtraído.
O crime aconteceu na Avenida Nossa Senhora do Desterro em um estabelecimento comercial, onde segundo informações da Polícia Militar a vítima estava no local e saiu do balcão para atender um cliente. Nesse momento chegou um suspeito que vendia cachaças, foi até o balcão, viu que o aparelho estava no local pegou o celular colocou no bolso. As imagens do furto foram flagradas por câmeras de segurança e antes de ir embora, ele ainda disfarçou e conversou com a vítima fugindo em seguida em um veículo Renault Scenic, sentido à avenida Djalma Castro Alves. Policiais militares da 41ª Companhia foram chamados, fizeram rastreamentos e após levantamentos foram até uma residência na Rua Espanha no bairro Boa Vista e prenderam suspeito M.A.C., de 39 anos. Após ser questionado ele negou os fatos, mas ao ver as filmagens confessou e disse que levou o aparelho para ser desbloqueado em uma loja no mesmo bairro. Os policiais foram até a Rua menino José de Almeida e apreenderam aparelho celular furtado.
O acusado de furto qualificado foi levado para delegacia e apresentado ao delegado de plantão. M., teve a prisão confirmada e posteriormente foi encaminhado para Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira onde permanece à disposição da Justiça. (JC)

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.