Geral

MPMG realiza procedimentos referentes às unidades de saúde

Problemas relacionados a procedimentos e rotinas, documentação e estrutura física. Essas são, segundo o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), as principais inadequações verificadas pelo Departamento Municipal de Vigilância Sanitária nas unidades de saúde de Uberaba e que estão sendo investigadas pela Promotoria de Justiça local. Em Uberaba, conforme relatório do MPMG, são mais de 50 ações civis públicas em andamento em relação a diversas unidades de saúde como Central de Vacinas, Central de Transporte Social e Ambulâncias, Centro de Referência a Infância e a Adolescência, Centro de Atenção Integral a Saúde da Mulher, Samu, Farmácia de Acolhimento, entre outros. De acordo com a promotora de Justiça Cláudia Alfredo Marques, outros processos também estão em andamento em relação às unidades de saúde dos municípios de Água Comprida e Delta. Há, ainda, Inquéritos Civis sendo acompanhados na Coordenadoria Regional das Promotorias de Justiça de Defesa da Saúde da Macrorregião Sanitária Triângulo do Sul.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.