PMU
Homem é espancado

Homem é espancado por lutador de artes marciais no Abadia e sofre fraturas

Juliano Carlos

21/08/2019 06h00Atualizado há 4 semanas
Por: Redação
Vítima foi socorrida pelo Samu após o crime
Vítima foi socorrida pelo Samu após o crime

Um homem foi espancado por um lutador de artes marciais e continua internado aguardando cirurgia. 

O crime aconteceu no cruzamento na rua Aimorés, esquina com a avenida Prudente de Morais no bairro Abadia, onde segundo testemunhas o catador de recicláveis e flanelinha H.B., de 54 anos, estava orientando os motoristas a estacionarem veículos na via. Em determinado momento chegou um casal em um carro com placas de Uberaba e H., orientou a mulher para que conduzia o veículo   que parasse na via pública do lado certo para não ser multada. Nesse momento o marido dela que também estava no carro disse que a vítima tinha mexido com a esposa dele, de seu armado com pedaço de pau com pontas de prego e também uma barra de ferro utilizada para travar motocicletas e agrediu o catador por várias vezes com golpes na cabeça e por todo o corpo. Testemunhas   que presenciaram a cena começaram a gritar por socorro e pediram que o suspeito parasse as com as agressões. Após agredir a vítima o casal fugiu sentido avenida Prudente de Morais.

H., foi socorrido e encaminhado para casa na rua Aimorés onde foi colocado em uma cama com dores pelo corpo. No dia seguinte a irmã dele decidiu acionar socorro (via 192).

Uma ambulância de Unidade de Suporte Básico (USB) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) compareceu no local e durante os atendimentos pré-hospitalares foi constatado que H., sofreu escoriações pelo corpo, cortes na cabeça, na face e nas costas, além de suspeitas de fraturas nas costelas e na clavícula. Ele foi socorrido e encaminhado para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque do Mirante e na sequência transferido para a UPA do bairro São Benedito, onde após exames foram constatadas as fraturas nas costelas e clavícula. A vítima continua internada na unidade hospitalar aguardando vaga no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) para ser transferida e passar por cirurgia. 

A sobrinha de H., de 24 anos conversou com a reportagem do JORNAL DE UBERABA e disse que presenciou o crime. Ela ainda contou  que o homem espancou o tio dela é  lutador de artes marciais e o agrediu sem motivos a jovem  e outros familiares  pedem justiça, “é uma covardia o que esse homem fez com meu tio, um lutador de artes marciais agredir uma pessoa que não tinha condições nenhuma de se defender nossa família que a justiça e que ele seja preso”, finalizou a vendedora.

11comentários
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias