Cidade

Motoristas fazem carreata pedindo auxílio e isenção de IPVA durante a pandemia

A categoria também reivindica a paralisação do pagamento das prestações de vans e ônibus por 12 meses

03/06/2020 05h00
Por: Redação
A carreata foi realizada em várias ruas e avenidas da cidade na manhã de ontem - Foto: Divulgação
A carreata foi realizada em várias ruas e avenidas da cidade na manhã de ontem - Foto: Divulgação

Motoristas de transporte escolar e turismo fizeram uma carreata por ruas e avenidas de Uberaba na manhã de ontem, cobrando medidas que podem ajudá-los no período de pandemia do coronavírus.

Segundo o grupo que organizou o ato, entre os principais pedidos estão a isenção do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2020/202, a flexibilização do prazo estabelecido para troca de veículos e ajuda de custo de pelo menos um salário mínimo.

A categoria também reivindica a paralisação do pagamento das prestações de vans e ônibus por 12 meses, sem encargos, multa ou juros; flexibilização para despesas relacionadas a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), liberação para cadastramento de empresas optantes pelo Simples Nacional. A pauta de pedidos foi encaminhada a vereadores e deputados.

A produção da TV Integração entrou em contato com a Seguradora Líder, responsável pelo seguro obrigatório, sobre os pedidos dos motoristas. Em nota, a empresa informou que até o momento não tem informações sobre isenções de cobrança do Seguro Danos Pessoais por Veículos Automotores Terrestres (DPVAT.)

"Cabe reforçar que o pagamento do seguro está atrelado à data de vencimento da cota única do IPVA e que as secretarias de Fazenda de sete UFs em todo Brasil já realizaram ajustes na data de pagamento por conta do período de isolamento social. As informações sobre pagamento e valores do seguro estão disponíveis pela internet", diz a nota.

A produção da TV Integração também entrou em contato com a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF-MG), mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários