PMU
Coluna

Lawrence Borges

Bastidores

Bastidores

BastidoresBastidores por Lawrence Borges

24/08/2019 06h00Atualizado há 1 semana
Por: Redação

SURPRESA

O prefeito Paulo Piau (MDB) foi surpreendido com uma festa de aniversário realizado pelos servidores na prefeitura municipal. Diversas lideranças passaram para cumprimentar o prefeito pelas bodas.

 

ZEMA EM CONFINS

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, participa, nesta segunda-feira, (26), da inauguração do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins. Será o primeiro aeroporto do país a receber uma unidade integrada de segurança pública.

 

FRENTE PARLAMENTAR DA ADVOCACIA

Por iniciativa da OAB, com assinatura de 199 deputados federais, a frente será destinada a apoiar e acompanhar a atuação de advogados e trabalhar pelo aperfeiçoamento da legislação relacionada à profissão.

 

HIDROEX

No próximo dia 30 de agosto, às 14 horas, no município mineiro de Frutal, o deputado Raul Belém realizará uma audiência pública para debater a destinação do patrimônio móvel e imóvel da Fundação Centro Internacional de Educação, Capacitação e Pesquisa Aplicada em Águas – Hidroex. A reunião será no anfiteatro do Campus da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG).

 

ABANDONADO

Idealizado pelo ex-deputado federal Narcio Rodrigues (PSDB), o projeto está abandonado, uma vez que passados aproximadamente três anos da Lei 22.291, de 19 setembro de 2016, o passivo patrimonial vem sendo depredado e degradado pela falta de uso. 

 

REJEITADO SUSPEIÇÃO DE MORO

A 2.ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rechaçou pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra o ex-juiz da Operação Lava Jato Sergio Moro, hoje ministro da Justiça e Segurança Pública. A votação ocorreu no Plenário Virtual da Corte. A informação sobre a decisão do Supremo foi dada pela revista eletrônica Consultor Jurídico (Conjur).

 

FIM DA LUA DE MEL

A expectativa com a eleição de Jair Bolsonaro (PSL) para previdência, inúmeros eleitores acreditavam que os problemas do Brasil estariam resolvidos. Decorridos quase oito meses, falta equipe técnica especializada, os filhos provocam crises, além do próprio presidente em suas falas. A população começa a constatar que foi vítima de mais um 171. Com isso as manifestações de apoio estão reduzindo e aumentando as contra Bolsonaro e sua família.

 

FALAS DE CIRO

Sem poupar críticas ao presidente Jair Bolsonaro (PSL), o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), que concorreu à Presidência da República no ano passado, disse que “impeachment não é remédio para governo ruim”. Ele participou de uma roda de conversas com estudantes da Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg), em Divinópolis, ontem.

 

NOVA OPERAÇÃO

A Polícia Federal deflagrou, ontem, a 64ª fase da Operação Lava-Jato, denominada Pentiti, para apurar supostos crimes de corrupção envolvendo o Banco BTG Pactual e a Petrobras na exploração do pré-sal e “em projeto de desinvestimento de ativos” na África. Entre os alvos da operação estão a ex-presidente da estatal, Graça Foster e o executivo do banco, André Esteves.

 

DIREITO AO SILÊNCIO

O delegado Filipe Hille Pace, da Polícia Federal em Curitiba, tentou ouvir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no inquérito que apura corrupção em negócios do banqueiro André Esteves, do BTG Pactual, com a Petrobras. O petista afirmou que seguiria orientação de seus defensores e permaneceria calado.

 

NÃO À POLÍCIA FEDERAL

Na Operação Lava Jato 64, rotulada “Pentiti”, a Polícia Federal pediu buscas também no escritório do criminalista José Roberto Batochio, em São Paulo, mas a força-tarefa do Ministério Público Federal da Lava Jato no Paraná se manifestou contra a medida. A juíza Gabriela Hardt não autorizou a inspeção da PF no endereço de Batochio.

 

PRIVATIZAR PARA EMPREGAR

O governador Romeu Zema (Novo) defendeu as privatizações ontem. Pelo Twitter, afirmou que as 17 desestatizações previstas pelo governo federal, cuja arrecadação prevista é de R$ 1,3 trilhão, são muito importantes para o país. “Pois sabemos que as estatais sofrem interferências políticas que vão contra o sentido delas existirem.”

 

EMPREGABILIDADE

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) apontam que Uberaba manteve seu saldo positivo pelo segundo mês consecutivo, registrando saldo de 314 novas vagas com carteira assinada. Uberaba gerou 3.285 contratações e 2.971 demissões. 

 

MELHOR DESEMPENHO

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação (Sedec), José Renato Gomes, destaca que o saldo positivo é o melhor do município no ano. “Novamente reforçamos que o município tem o poder – e dever – de atuar na geração de novos empregos, o que está sendo feito com a viabilização de diversos investimentos. Infelizmente não temos nenhum controle sobre demissões, mas estamos cumprindo o papel que nos cabe. A expectativa é positiva, pois novos grandes investimentos estão em movimento, além de pequenos e médios empreendedores trazendo novas operações”, observou ele.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias