PMU
Coluna

Mulherio

Juba Maria

Juba Maria

Juba MariaJornalista formada pela UFRJ, mãe e poeta, trabalha como Assessora de Comunicação da Infraero. É uma das coordenadoras do projeto AMAi e dá palestras sobre Comunicação Não-Violenta.

25/08/2019 06h00Atualizado há 1 semana
Por: Redação

Algumas reflexões, 3 assuntos práticos e muitas necessidades

Tem vez, como hoje, que acontece de eu me preocupar demasiadamente com a qualidade do texto desta coluna. Isso porque entendo a necessidade de não apresentar um tom masculino, na concepção clássica da palavra, nem trazer o meu olhar estritamente opinativo, sem informações objetivas e necessárias às mulheres.

Ocorre que ao tomar café, nesta manhã de sábado, 24 de agosto, voltei ao início de Narciso e Goldmund, de Hermann Hesse, para reler o trecho em que Narciso fala ao abade sobre seu desejo de autopunição. “Peço vos portanto que me castigueis”, diz o jovem ao velho.

O que isso tem a ver com o tema dessa coluna? Já faz algum tempo, como todos sabem, que nos dedicamos a enfrentar, ao modo da Geração Y, a violência contra a mulher, adolescentes, meninas e idosas em Uberaba, em especial nos chamados relacionamentos afetivos e interfamiliares. 

Uma reflexão feita pelas mulheres com alguma frequência nas visitas que fazemos é: quantas vezes permanecemos em situações em geral que nos causam sofrimento simplesmente por considerar que merecemos tais castigos?

Pensando agora de modo prático, nosso trabalho de desenvolvimento de um dispositivo de segurança para mulheres segue de vento em popa. A BugWare, empresa júnior do Instituto Federal do Triângulo Mineiro, vem fazendo um excelente trabalho, mas ainda precisamos de investimento privado. Fica a dica para o caso de sua empresa desejar investir em um projeto social inovador e de visibilidade.

Em meio a tantas dificuldades, alegra-nos saber que a uberabense estudante de serviço social Brenda Soares Rodrigues, 23 anos, está concorrendo à vaga de Conselheira Tutelar. Estamos falando de uma mulher negra, periférica, de grande entusiasmo e competência, profundamente capaz de ajudar a nossas crianças e adolescentes.

Brenda e eu conversamos por mensagem de texto, em meio a nossa correria de agendas. Contou-me que está lendo…. “Nada”, livro da autora espanhola Carmen Laforet, considerada uma das obras espanholas mais importantes do século XX. O livro conta a história de uma jovem que passa por um processo de descoberta de si e do mundo ao mudar-se para Barcelona após o final da Guerra Civil Espanhola, quando passa a viver com familiares, lidando com suas peculiaridades e os rebatimentos da guerra.

Na periferia de Uberaba, Brenda fez parte de um projeto que leva letramento, cidadania, alfabetização, cultura, esporte e lazer à população. “Foi uma experiência riquíssima e fez com que eu me identificasse ainda mais com a profissão que venho me preparando para ser”, contou. 

A jovem está preocupada com a situação das crianças e adolescentes em nossa cidade, constantemente acometidas a muitas formas de violência, condicionadas a castigos cruéis, degradantes e sem resguardo algum da comunidade. “É desafiador pensar em atividades que visem a proteção de crianças e adolescentes numa sociedade que tem sido cada vez mais forjada na violência e desigualdade”, escreveu.

A eleição dos novos conselheiros tutelares para mandato de quatro anos está sendo organizada pelo Conselho Municipal dos Direito da Criança e do Adolescente (Comdicau) e ocorrerá no dia 6/10 no Colégio Cenecista Dr. José Ferreira. Para votar, basta levar título de eleitor e documento com foto.

Aliás, por meio dos recursos do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescentes/Fumdicau, serão selecionadas, este ano, propostas de até R$ 30.000,00, até o total de recursos do Fundo, de Organizações da Sociedade Civil inscritas do Comdicau para formalização de Termo de Colaboração com a Prefeitura. 

Serão selecionadas as melhores propostas de organizações que desenvolvam ações, serviços, programas e projetos que contribuam para a garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes, conforme condições estabelecidas no edital.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias