Banner prefeitura Covid
Política

Prefeitura inicia testagem rápida via drive thru

A Prefeitura de Uberaba, por meio da Secretaria de Saúde, inicia a partir de quinta-feira (10) a testagem rápida para a Covid-19, por meio de drive thru

09/09/2020 04h00
Por: Redação
Foto: Neto Talmeli
Foto: Neto Talmeli

A Prefeitura de Uberaba, por meio da Secretaria de Saúde, inicia a partir de quinta-feira (10) a testagem rápida para a Covid-19, por meio de drive thru, dentro do Plano de Testagem Municipal Qualificado. O público alvo é pessoa acima de 2 anos que tenha sintomas de Síndrome Gripal a mais de 10 dias e menos de 30 dias. Para a testagem é necessário o cadastro on-line, disponível a partir do dia 9, às 12 horas. Um questionário atestará a necessidade da testagem ou não. Sendo confirmada a necessidade do teste a pessoa poderá escolher o local e o horário para a realização.

Robert Boaventura, diretor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde, alerta que na ocasião da testagem no drive thru, será necessário apresentar comprovante de residência e documento com foto ou certidão de nascimento caso seja criança e não tenha documento de identidade. "Uma vez que já tivemos pessoas que vieram de municípios vizinhos, e utilizaram o serviço que é exclusivo ao cidadão uberabense", pontua.

A plataforma tem a parceria da Companhia de Desenvolvimento de Informática de Uberaba (Codiub). O cadastro pode ser feito no site da Prefeitura de Uberaba (www.uberaba.mg.gov.br), ou ainda no link do Uberaba Contra a Covid-19 (www.uberabacontracovid.com.br).

O atendimento do drive thru será das 7h às 17h, de segunda a sábado. São três pontos de coleta da testagem, sendo, Universidade de Uberaba (Uniube), Avenida Nenê Sabino, 1801; Fundação Municipal de Esporte e Lazer (Funel) com entrada pela Rua José João Naves, no Abadia; e Praça do Quartel, entrada pela Avenida Lucas Borges.

Robert Boaventura ressalta que até a data de hoje foram realizados 92 testes por 1.000 habitantes, o que corresponde a 9,2% da população de Uberaba testada. "Importante é a pessoa atentar para o período de 10 dias no mínimo, máximo 30, com sintomas de síndrome gripal, pois fora desse período, o resultado da testagem pode dar um falso negativo. Mas a orientação é que o cidadão sempre que precisar procure a unidade básica de saúde mais próxima da sua residência, para melhor orientação" afirma.

De acordo com ele, os resultados serão enviados via email que o cidadão inserir no cadastro. Os casos positivos a Secretaria de Saúde fará o monitoramento com as devidas orientações.

Caso a pessoa atrase ou não compareça, ela perderá a vez. Pessoas que fornecerem informações falsas ou não estiverem no período correto da realização do teste serão barradas e não realizarão a testagem. Uma equipe de teleatendimento irá orientar as pessoas e esclarecer dúvidas pelo telefone 0800 940 0101.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários