Política

UFTM e Corpo de Bombeiros celebram acordo de cooperação técnica e científica

Na última quarta-feira, 11 de novembro

18/11/2020 04h00
Por: Redação

Na última quarta-feira, 11 de novembro de 2020, foi celebrado acordo de cooperação técnica e científica entre a Universidade Federal do Triângulo Mineiro – UFTM e o Corpo de Bombeiros Militares do Estado de Minas Gerais – CBMMG, que visa à mútua cooperação entre as partes para a produção de conhecimento técnico-científico voltado a atividades de proteção e defesa civil, bem como à elaboração de protocolos de enfrentamento a esses tipos de ocorrências.

O acordo facilitará o desenvolvimento de ações que ocorrerão por meio de projetos a serem desenvolvidos no âmbito dos programas científicos de pesquisa e pós-graduação e também em ações complementares de extensão e ensino da UFTM, com a colaboração de pessoal, instalações, equipamentos e conhecimentos técnicos presentes nas duas instituições.

Com o acordo, os pesquisadores da UFTM e membros do CBMMG poderão desenvolver ações em conjunto como, por exemplo, pesquisas de geoprocessamento de dados sobre ocorrências de queimadas, desenvolvimento de softwares ou pesquisas de campo, treinamentos e cursos para equipes da UFTM sobre questões envolvendo atividades como prevenção a incêndios e outras técnicas do âmbito do trabalho desenvolvido pelo Corpo de Bombeiros. "Creio que o acordo irá contribuir muito no campo da pesquisa, no desenvolvimento de tecnologias e em ações pertinentes às atividades de proteção e defesa civil", destacou o reitor da UFTM, professor Luiz Fernando Resende dos Santos Anjo.

De acordo com o Corpo de Bombeiros Militares do Estado de Minas Gerais, a corporação exerce funções de estado e é bem conhecida popularmente pela sua atuação nos combates a incêndios, porém a corporação tem um grande espectro de atuação. A exemplo, ela atua em ocorrências de atendimentos pré-hospitalar, que exigem conhecimentos da área de saúde; ocorrências com produtos perigosos, que exigem conhecimentos típicos de engenharia química; ações de defesa civil, que exigem aplicação de conhecimentos da área de mapeamento e geografia; fiscalização de sistemas preventivos das edificações comerciais e de uso coletivo, que exige conhecimentos da área de engenharia civil; dentre outras atribuições que precisam de conhecimentos técnico-científicos comumente trabalhados academicamente nas universidades. "A parceria com instituição de excelência no ensino técnico e científico como a UFTM é extremamente importante para que o órgão se mantenha atualizado e bem capacitado para realizar suas atribuições constitucionais e, com isso, poder ofertar um serviço público de qualidade ao cidadão mineiro", destacou Roneci Marcos Silva, capitão CBMMG e um dos um dos integrantes que participou da elaboração do acordo.

Ainda de acordo com a corporação, a proposta de unir projetos de pesquisa com as ações desenvolvidas pelos bombeiros pode contribuir no atendimento realizado para a comunidade, nas ações de combate a queimadas e desenvolvimento de tecnologias. A região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba tem uma característica peculiar de uso e ocupação do solo no estado. É considerada uma região de fronteira agrícola, com atividades agropecuárias complexas, de ponte e com alto valor agregado e elas têm sofrido ao longo dos últimos anos com prejuízos proporcionados pelos incêndios florestais, especialmente as culturas da cana de açúcar, milho, sorgo, soja e a criação de animais. Estudar tecnicamente as características regionais, entender detalhadamente os aspectos do uso e ocupação do solo e as características da cobertura vegetal predominante proporcionará condições de fazer intervenções mais assertivas e pontuais para otimizar a atuação da corporação e para que seja possível desenvolver técnicas e tecnologias próprias de enfrentamento das diferentes ocorrências.

Estão previstos no acordo diversos compromissos recíprocos e responsabilidades das instituições, entre eles disponibilizar, na medida do possível, e sem prejuízo às suas atividades, seu corpo técnico e funcional para atuação conjunta e institucional de ambas as partes nas atividades que envolvem o termo de cooperação. O acordo entre as instituições foi estabelecido visando à necessidade de produção de conhecimento técnico-científico voltado à atividade de proteção e defesa civil.

Assinaram o acordo o reitor da UFTM, professor Luiz Fernando Resende dos Santos Anjo, e o coronel do BM Edgard Estevo da Silva, comandante geral do Corpo de Bombeiros Militares do Estado de Minas Gerais.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Uberabaonline1
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas