Quarta, 21 de Abril de 2021
(34) 99869-4433
Anúncio
Cidade Cidade

O QUE É MERITOCRACIA

MERITOCRACIA

07/04/2021 03h00
Por: Euripedes Antonio Campos

Paulo Nogueira

 

A meritocracia é um conceito sociológico. Trata-se de um conjunto de valores que atestam que o poder pode ser conquistado por mérito individual. O poder, nesse sentido, pode ser uma profissão de prestígio, um cargo político ou mesmo a ascensão social e econômica. Nessa ideologia é realizada uma exaltação do indivíduo. Por isso, o poder conquistado socialmente é descrito em termos de “conquistas”, “realização pessoal” ou mesmo de “vitórias”. Exemplos de meritocracia: Atualmente, a ideologia meritocrática está impregnada nas mais diversas relações sociais.

É possível visualizar uma meritocracia religiosa quando Max Weber escreve a respeito da ética protestante e o espírito do capitalismo, por exemplo. Para o sociólogo, a disseminação de uma ética protestante favoreceu o estabelecimento do sistema capitalista.

Para o calvinismo, a salvação seria dada para indivíduos predestinados, e a execução de um trabalho árduo e contínuo seria uma maneira de demonstrar a graça recebida. Entretanto, é no trabalho e na educação que é possível vislumbrar mais fortemente a ideologia da meritocracia. Meritocracia no Brasil. A desigualdade social é uma realidade nas sociedades capitalistas, inclusive no Brasil.

Existem, no país, desigualdades de diversas ordens, como no aspecto econômicos bens, investimentos e terras são heranças que se acumulam entre gerações. Pessoas de origem de classe abastada possuem, portanto, condições econômicas favorecidas que se arrastam há séculos. No caso das pessoas mais pobres acontece o mesmo, considerando que no Brasil há muitos descendentes de pessoas anteriormente escravizadas.

Considerando que mais da metade da população brasileira é negra, essa maioria é também aquela com menor renda e com menos acesso à educação. Essa desigualdade é persistente desde a Abolição da Escravatura, em 1888.O passado escravista no Brasil é ainda muito recente, uma vez que a Abolição ocorreu há pouco mais de 130 anos. Desde então, as relações sociais brasileiras ainda mantêm um racismo mascarado no mito da democracia racial.

A atualidade dessa discussão pode se revelar nos debates recentes sobre a defesa das cotas raciais pelos movimentos negros brasileiros. Argumentos meritocráticos são geralmente levantados por pessoas que são contra a implementação das cotas universidades. Uma ilustração desses discursos é, por exemplo, de que “somos todos iguais”.

O Brasil é conhecido por ser uma das nações com maior concentração de renda entre os mais ricos. O país já chegou a ter quase metade da renda nacional nas mãos de 10% das pessoas. A desigualdade social pode ser teorizada e trabalhada de diversas maneiras mas, de fato, ela é uma realidade na sociedade atual. Dessa forma, compreender o que é o discurso meritocrático significa entender uma das ideologias que fundamentam a sociedade na qual vivemos. Como esse é um ideal que ainda está em circulação nas relações sociais, ela está sujeita a mudanças e transformações.

 

Jornalista e membro da Associação Brasileira de Jornalismo Científico

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias