Sábado, 15 de Maio de 2021
(34) 99869-4433
Política Política

Governo de Minas quer implantar gestão compartilhada nas escolas de Ensino Médio

Governo de Minas

29/04/2021 03h00
Por: Euripedes Antonio Campos

        

 

O governo de Minas deve implementar nos próximos meses, em três escolas de ensino médio da grande BH, o projeto piloto do programa Somar, que traz alterações no modelo de gestão das escolas, com o objetivo de melhorar os indicadores educacionais e abrir caminho para a implantação do Novo Ensino Médio, programada para ocorrer em 2022. Outro objetivo é combater a evasão escolar. O modelo propõe uma gestão compartilhada dos estabelecimentos de ensino público, firmando uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação (SEE-MG) e organizações da sociedade civil sem fins lucrativos.

As três primeiras escolas escolhidas para receber o projeto são: a Escola Estadual Coronel Adelino Castelo Branco, em Sabará, na região metropolitana, além das escolas estaduais Maria Andrade Resende e Francisco Menezes Filho, em Belo Horizonte. De acordo com a SEE-MG, essas escolas possuem cerca de 2.100 alunos matriculados, oferecem exclusivamente o Ensino Médio aos alunos, mas estão com os indicadores educacionais abaixo da média do Estado.

 

PUBLICIDADE

Apesar da gestão compartilhada, as escolas continuariam oferecendo o ensino público gratuito, seguindo o calendário escolar da rede e as normativas nacionais e estaduais referente ao acesso e à permanência dos estudantes nas escolas.

De acordo com o Estado, podem participar do projeto Somar instituições que tenham experiências diversificadas e consolidadas tanto em metodologia de ensino, como em processos de gestão. Todas as ações implementadas serão acompanhadas pela SEE-MG.

 

SELEÇÃO

A forma de seleção das organizações sem fins lucrativos foi publicada na página 51 do Diário Oficial de Minas Gerais, desta quarta-feira (28). Já a implementação da parceria terá início este ano, com a previsão de um processo de transição. Para a gestão das unidades, as organizações receberão recursos do tesouro estadual. O valor repassado tem como base o custo-médio por aluno ao longo do ano.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias