Cria Criança
Contrato

Empresa chinesa se instala em Uberaba

As tratativas acontecem desde agosto de 2018, quando a empresa visitou a cidade

18/09/2019 06h00Atualizado há 4 semanas
Por: Redação
Prefeito Paulo Piau recebe comitiva chinesa para fechar mais um empreendimento em Uberaba - Foto: Divulgação/PMU
Prefeito Paulo Piau recebe comitiva chinesa para fechar mais um empreendimento em Uberaba - Foto: Divulgação/PMU

Na segunda-feira (16), a Prefeitura de Uberaba, a Faculdades Associadas de Uberaba (Fazu) e a chinesa Shennong Drones assinaram contrato de instalação da empresa no Celeiro - Centro de Referência em Empreendedorismo e Inovação para o Agronegócio, hub de inovação e conexão da Fazu, do Parque Tecnológico. Presentes além do prefeito Paulo Piau, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação, José Renato Gomes; o presidente da Codiub – Inteligência Digital, jornalista Denis Silva; Raquel Resende, gestora do Parque Tecnológico; Carlos Henrique Cavallari Machado, diretor Acadêmico da Fazu; Haitao Cheng, da Shennong Drones e Sun Lufeng, da Câmara Uma Faixa e Uma Rota – BRCA – Centro de Desenvolvimento Econômico, Cultural e Intercâmbio Brasil-China.

As tratativas acontecem desde agosto de 2018, quando a empresa chinesa visitou Uberaba para conhecer e avaliar questões estratégicas de logística, infraestrutura e incentivos fiscais, além de fazer demonstração na Fazu com estudantes, pesquisadores, agentes de desenvolvimento, startups e produtores do segmento do agronegócio, da atuação do drone aplicado à agricultura.

“Hoje consolidamos o trabalho que a Prefeitura de Uberaba, por meio da Sedec, na pessoa do José Renato, da Raquel Resende e toda equipe, vem fazendo junto a Shennong, com Haitao Cheng e Sun Lufeng da BRCA. Temos que agradecer, pois na primeira vez que estiveram aqui, despertou uma nova possibilidade de negócio entre Uberaba e a China. Hoje assinamos um contrato de parceria real. A China está em Uberaba de fato”, frisa o prefeito Paulo Piau.

Ele também comenta que esse feito não acontece da noite para o dia, sendo uma relação construída aos poucos. “Nos aproximamos da empresa, mostramos nossas leis de incentivo e tudo aquilo que faz de Uberaba uma cidade atrativa para pequenas, médias e grandes empresas. E agora com a assinatura do contrato, junto à Fazu e à Shennong, reafirmamos o potencial desse trabalho, no caminho da credibilidade, do conhecimento, respeitabilidade, buscando inovação e tecnologia. Hoje é um dia de glória e de conquista”, exalta Piau.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação José Renato Gomes, a reunião de segunda-feira, demonstra de forma efetiva a consolidação da tríplice hélice que é a participação do governo, empresa e universidade. “Este é o principal papel do Parque Tecnológico de Uberaba: colocar esses três agentes para conversar, e foi assim que viabilizamos este empreendimento aqui. No segundo momento já estudamos uma área para receber, no futuro, a indústria da empresa” destaca Gomes.

Carlos Henrique Cavallari Machado, diretor Acadêmico da Fazu diz que a assinatura coroa o início de um processo em favor da tecnologia, no qual a Fazu está investindo. “A Fazu investe em inovação e tecnologia, não só na parte acadêmica. Essa parceria no Celeiro com a empresa chinesa é fruto de todo um trabalho da Prefeitura em oportunizar isso. Temos muito orgulho por iniciar esse processo, pois sabemos produzir com qualidade, e agora é saber gerir essa produção e incluir a inovação e tecnologia” diz.

Negócios com a China – A agenda com a empresa chinesa em Uberaba teve participação e apoio da Câmara Uma Faixa e Uma Rota – BRCA – Centro de Desenvolvimento Econômico, Cultural e Intercâmbio Brasil China, criada para articular oportunidades de negócios entre os dois países.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias