Domingo, 24 de Outubro de 2021
(34) 99869-4433
Política Política

'Silêncio constrangedor': Aécio critica PSDB pela iminente saída de Alckmin

'Silêncio constrangedor'

24/09/2021 04h00
Por: Redação
Aécio lamentou postura do PSDB na decisão de Alckmin de sair do partido - Foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press
Aécio lamentou postura do PSDB na decisão de Alckmin de sair do partido - Foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press

O deputado federal Aécio Neves (PSDB) divulgou uma nota nesta quarta-feira (22/9) na qual critica o partido pela i minente saída do ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin . Um dos fundadores da sigla em 1988, Alckmin decidiu deixar a legenda após João Doria confirmar o nome de Rodrigo Garcia, vice-governador paulista, na disputa para o governo no ano que vem.  

Aécio demonstrou respeito a Alckmin, mas cobrou explicações do PSDB pela decisão do ex-governador: “Silêncio constrangedor! Conversei recentemente com o ex-governador Geraldo Alckmin e considero incompreensível o silêncio do PSDB sobre a sua iminente saída do nosso partido. Eu o conheci quando chegamos, em 1987, para a Assembleia Nacional Constituinte, apresentado pelo então Senador Mário Covas. Desde a fundação do PSDB, em 1988, Geraldo nos representou com firmeza e dedicação em vários momentos históricos”. 

Por fim, o deputado lembrou que vários que compõem o comando da legenda não se expressaram da forma mais correta. 

"O silêncio de nossos líderes, especialmente alguns de São Paulo, que trabalharam a seu lado ou dele receberam decisivo apoio em suas trajetórias, atualizam, lamentavelmente, a velha máxima, segundo a qual, na política, o dia da gratidão é a antevéspera da traição, ou, como diria Leonel Brizola: “a política ama a traição, mas abomina o traidor”, afirma.

“A história do nosso partido não começou ontem. Temos uma longa trajetória de lutas e conquistas em favor do Brasil, e Geraldo esteve presente em todas elas. O PSDB tem com ele uma dívida de reconhecimento e gratidão. Os valores e o significado do nosso partido não podem se submeter à força de uma máquina administrativa ou de projetos pessoais que nada têm a ver com nossa história”, diz o comunicado. 

A relação entre Alckmin e João Doria ficou estremecida depois que o então candidato ao governo apoiou publicamente a campanha de Jair Bolsonaro para o Palácio do Planalto em 2018, deixando de apoiá-lo na disputa. O problema entre ambos se agravou quando Doria fez esforço para trazer Rodrigo Garcia do DEM para o PSDB.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Uberaba - MG
Atualizado às 09h54 - Fonte: Climatempo
19°
Chuva fraca

Mín. 17° Máx. 30°

19° Sensação
15 km/h Vento
100% Umidade do ar
80% (18mm) Chance de chuva
Amanhã (25/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens e chuva
Terça (26/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias