Eventos

Coluna social

Fabiana Silbor

Fabiana Silbor

Fabiana SilborFabiana Silbor é Professora Universitária, radialista, apresentadora de televisão, jornalista, palestrante, gestora empresarial, articulista e pesquisadora nas áreas de ciências sociais e empresariais. Referência midiática, ela está no Jornal de Uberaba há nove anos, com uma página que promove conteúdo exclusivo, reflexões modernas, complexas e com doses cítricas. Fabiana Silbor foi repórter e apresentadora das Redes Integração, afiliada Globo, e Bandeirantes de Televisão.

22/09/2019 06h00
Por: Redação
Casal incrível que levou emoção a tantas pessoas durante uma das mais belas cerimônias de casamento que Uberaba já viu. Felicidades. Eles merecem o que há de mais bonito, todos os dias. Relacionamento abençoado da lindíssima Hustany Cavatão e do fantásti
Casal incrível que levou emoção a tantas pessoas durante uma das mais belas cerimônias de casamento que Uberaba já viu. Felicidades. Eles merecem o que há de mais bonito, todos os dias. Relacionamento abençoado da lindíssima Hustany Cavatão e do fantásti

Bem vindo.

Bem vinda!

 

É primavera.

Antes que o ano acabe perceba que somos espinhos e flor. Sinta a nova estação, também, dentro de ti. Decida por espalhar aromas, cores e belezas. Seja decisão. Sentimento muda pouco. Atitude muda tudo.

 

Seja bondade

Levante a sua voz para quem precisa. Seja esperança. É o seu adiamento, a sua indiferença, a sua insegurança que fortalecem a maldade. Dê a bondade o direito de vencer. Seja escolha.

 

Seja luz

Decore sua determinação de vida e sobreviva a tantas carências. Desde quando seus olhos estão fechados para o que de fato interessa. Abra e ilumine seus caminhos deixando rastros de vitória.

 

Seja destino

Pergunte a si mesmo qual a direção certa. As outras pessoas têm sugestões, mas só você conhece o mapa do seu coração. Pare de correr do tempo. Acerte o ritmo com a sua mente.

 

Seja fortaleza

Sobram vagas para os fortes e você precisa sair dessa multidão e assumir seu destino. Siga, apenas. Os aplausos da consciência devem bastar para quem sabe quem é. Só não seja o tipo fraco.

 

Seja consideração

Fique de frente, olhe nos olhos, estenda a mão. Sempre será melhor do que virar as costas. Se importe, encontre um jeito, um dia algo vai separar você de quem você ama, enquanto isso ponha a felicidade em prática. O adeus fica suportável quando se fez o melhor.

 

Seja levante

Valorize as pessoas que fazem você querer ficar. Elas vão abençoar seus recomeços quando decidir abrir as jaulas do passado e superar. Elas vão amenizar seus tombos. Nas quedas é onde recomeçamos.

 

Seja merecimento

Ensine o outro a rever. Encare as mudanças que farão você assumir o que nasceu para ser. Deixe de lado o que foi possível. Seja o que merece. Os céus sabem que você tentou, mas agora está na hora dos habitantes da terra verem que você conseguiu.

 

Seja coragem

Deixe o medo ao seu lado. Ele é uma boa companhia. Mas mostre a ele quem manda. E quando for preciso mostre que do outro lado, também, caminha com você a coragem.  E suba, brilhe como o amanhecer. É o dia da glória chegar.

 

Seja a diferença. 

Toque os espíritos e transforme desânimos em energia para o perdão. Há muitas verdades escondidas sob as mentiras. A dor nunca deveria ser opção, mas não estamos imunes. Por isso batize suas lágrimas para lembrar os nomes de quem as causou.

 

Seja resiliência

É honesto manter vivo em nós nossos bons sentimentos e serão necessárias algumas guerras para isso. Assim podemos pedir para que a fé nos conduza e o amor nos eleve aonde pertencemos. O barco suporta o mar agitado porque o capitão sabe que existe um porto seguro à espera.

Sonhos guardados esperam tanto acontecer. Aproveite suas chances. Alguém vai ocupar esse lugar e porque será, que é melhor você estar “lá”? Ser dono do destino é um preço alto a se pagar, mas basta você pensar: ficar onde está, vai custar mais barato?  

 

Seja vida

Nunca vale a pena morrer. E por quem você vai lutar até a sua hora chegar? Se há vencedores na guerra são aqueles que vencem a si mesmo e fazem das próprias fraquezas um motivo a mais para vencer. Muito irão chegar. Outros irão partir. Mas você estará com você mesmo para sempre. Para onde você pode fugir de sim mesmo?

 

Seja uma lenda.  

E lembre-se: ninguém constrói um legado sozinho. Decida pelos que seguirão com você. Muito do que somos devemos a quem esteve conosco, mais ainda, àqueles que permaneceram. Quando partimos é melhor deixar gratidão do que arrependimentos.

 

Fabiana Silbor é articulista e colunista do Jornal de Uberaba. Professora Universitária, palestrante, especialista em ciências sociais e empresariais. 

  • Coluna social
  • Coluna social
  • Coluna social
  • Coluna social
  • Coluna social
  • Coluna social
  • Coluna social
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias