Terça, 25 de Janeiro de 2022
30°

Trovoada

Uberaba - MG

Cultura Cultura

GRANDES CLÁSSICOS DA MÚSICA ERUDITA GANHAM VERSÃO EM VOZ E VIOLÃO EM PROJETO COM O TENOR JEAN WILLIAM E O MÚSICO RAFAEL ALTRO

GRANDES CLÁSSICOS DA MÚSICA

02/12/2021 às 04h00
Por: Redação
Compartilhe:
GRANDES CLÁSSICOS DA MÚSICA ERUDITA GANHAM VERSÃO EM VOZ E VIOLÃO EM PROJETO COM O TENOR JEAN WILLIAM E O MÚSICO RAFAEL ALTRO

Série de cinco concertos gratuitos estreia no dia 30 de novembro em SP e chega a Uberaba no dia 04 de dezembro

 

O encontro do erudito e do popular. A união da uma voz potente de tenor lírico e de um violão eclético. O projeto ‘Clássicos com Jean William e Rafael Altro’ leva aos palcos o dueto do tenor Jean William e do violonista Rafael Altro, numa série de cinco concertos gratuitos que estreia na Unibes Cultural, em São Paulo, no dia 30 de novembro. Segue depois no dia 3 de dezembro para Sertãozinho, cidade natal de Jean William, no interior de São Paulo; e no dia 4 de dezembro para Uberaba, em Minas Gerais. Ainda estão no roteiro apresentações nas cidades de Jundiaí e Santos, que acontecerão em 2022. Com produção de Sandra Mimoto, da Ampliart Difusão Cultural, o projeto é realizado com patrocínio de Usina Santo Ângelo e Caldema, através da Lei de Incentivo à Cultura, do Ministério do Turismo. O repertório do novo concerto contempla clássicos de diferentes períodos da história, com obras populares de Franz Schubert, Heitor Villa-Lobos, Antonio Vivaldi, Eduardo Di Capua, entre outros grandes compositores, que receberam arranjos especiais. No palco, haverá momentos em que Jean e Rafael farão duetos; em outros, estarão como solistas; e também acompanhados de um grupo instrumental.

Volta às origens

Solista à frente de importantes orquestras, o tenor Jean William, 36 anos, viu no formato intimista de voz e violão uma volta às suas origens. Nascido em Sertãozinho, no interior de São Paulo, ele cresceu em Barrinha, cidade próxima, criado pelos avós maternos após a separação de seus pais. A família era humilde, mas estreitamente ligada à música. O avô, boia-fria, tocava violão e a avó, faxineira, sempre cantou muito bem. 

“Meu avô foi minha primeira influência. Ele tocava violão na igreja, então, cresci sob a influência de um violonista autodidata. Depois, fui cantar em concertos, recitais com piano, com orquestra, ópera. Mas sempre quis fazer alguma coisa em que eu voltasse para essa minha raiz do violão”, conta Jean.

Ele também aprendeu a tocar violão. Na adolescência, cantou numa banda de pop rock, ganhou um concurso de música na escola e foi estudar num conservatório. Na primeira aula, a professora de canto lírico, que dizia não conhecer nada de rock, ouviu Jean ‘imitar’ Pavarotti. Após escutá-lo, ela o incentivou a trabalhar sua voz. “Foi por acidente que um menino que cantava na igreja de domingo descobriu que tinha uma voz de tenor”, lembra Jean. 

Outras pessoas também foram fundamentais nessa construção da carreira do tenor. Após seu talento impressionar outra professora, Jean William acabou sendo ‘adotado’ pela família dela, que tinha mais recursos financeiros para investir e estimular seu desenvolvimento. Por intermédio de uma pessoa ligada a essa família, ele conseguiu participar de uma audição na casa do maestro João Carlos Martins, que depois o convidou a ser solista em sua orquestra. 

Com o célebre maestro, Jean se apresentou em diversos teatros, programas de TV, alcançando grande visibilidade. Houve outras grandes conquistas: ele ganhou uma bolsa para estudar na Itália; foi o cantor lírico mais jovem a ser solista no Lincoln Center de Nova York; cantou para o príncipe de Mônaco e para o Papa Francisco; participou de concertos pelo Brasil e pelo mundo. 

Agora, o projeto ‘Clássicos’ o faz se conectar à sua essência. “A música faz o indivíduo acessar seus sentimentos, paixões, emoções. Esse concerto está a serviço disso também, é uma bandeira que eu pessoalmente levanto, que é a do amor próprio. Esse repertório também tem essa função de semear alguma coisa positiva no universo das emoções das pessoas, cria reconexões.” 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Luiz Hozumi
Luiz Hozumi
Sobre Produtor cultural, publicitário, especialista em gestão e políticas culturais. [email protected]
Uberaba - MG Atualizado às 17h06 - Fonte: ClimaTempo
30°
Trovoada

Mín. 18° Máx. 30°

Qua 31°C 18°C
Qui 30°C 18°C
Sex 31°C 19°C
Sáb 30°C 20°C
Dom 29°C 19°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Enquete
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias