Música

Fundação Cultural realiza a “FeCult” na Feira da Abadia

O músico Fausto Reis é cavaquinhista e produtor musical há 28 anos

13/10/2019 06h00
Por: Redação
Alexandre Saad e Fausto Reis se apresentam hoje na Feira da Abadia - Foto: Divulgação
Alexandre Saad e Fausto Reis se apresentam hoje na Feira da Abadia - Foto: Divulgação

 A Feira da Abadia é cenário da “FeCult”, ação de cultura promovida pela Fundação Cultural de Uberaba (FCU). A proposta é levar, mensalmente, uma programação musical para a Feira da Abadia. As atrações deste domingo (13) são artistas consagrados na cidade: Alexandre Saad e Fausto Reis com o grupo Palpite Feliz. O show começa às 10h.

O músico Fausto Reis é cavaquinhista e produtor musical há 28 anos. Fausto se destaca por preservar as raízes da Música Popular Brasileira, tocando e ensinando aos novos e aos interessados o choro, samba de raiz e a seresta.

Já produziu, arranjou e tocou em diversos CDs de artistas e compositores de Uberaba e região. Também foi o produtor, músico e diretor musical do DVD ‘Natureza em Sinfonia’, gravado com Grande Orquestra e vários solistas de renome internacional, o qual foi muito bem aclamado pela crítica nacional e distribuído em países como Holanda e Austrália.

O público também vai conferir o show de Alexandre Saad. O artista uberabense é cantor, violeiro e compositor, que gravou seu primeiro CD em 1987. Saad traz a autêntica música raiz brasileira, com influências de poetas e artistas como Tião Carreiro, Silveira e Silveirinha e Goiá. A música regional brasileira com artistas do talento de Almir Sater, Renato Teixeira, Paulo Simões, Sérgio Reis, entre outros, também influenciaram seu estilo atual.

A Feira da Abadia acontece na avenida Prudente de Morais aos domingos pela manhã.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias