Crimes

Polícia Civil prende acusados de duplo homicídio no Arquelau

Os policiais representaram contra os jovens na Justiça e tiveram parecer favorável do Ministério Público

19/10/2019 06h00
Por: Redação
Acusados de matar irmãos foram presos no Elza Amui - Fotos: Juliano Carlos
Acusados de matar irmãos foram presos no Elza Amui - Fotos: Juliano Carlos

 

Juliano Carlos 

Operação de policiais civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil acabou nas prisões de dois acusados de um duplo homicídio registrado no mês de setembro em Uberaba. Outro jovem acusado de receptação foi preso e vários produtos furtados em estabelecimentos da cidade foram apreendidos.

De acordo com o delegado de homicídios Ciro Moreira, os policiais fizeram investigações após o crime e identificaram os dois acusados de terem matado os irmãos Eduardo Fernando da Silva Rosa, de 24 anos, e Railson Ramos Pereira, de 17 anos, no bairro Arquelau. Os policiais representaram contra os jovens na Justiça e tiveram parecer favorável do Ministério Público, que a expediu os mandados de prisão de busca e apreensão contra os suspeitos.

Na manhã de ontem, os policiais civis do DHPP e da Delegacia Antidrogas foram até uma casa na rua Junho na Vila Arquelau para prender os acusados, que não foram encontrados. Eles fizeram diligências e descobriram que os jovens estavam em outra casa no bairro Elza Amuí. As equipes foram até a rua Universo Barbosa Alvarenga e viram os criminosos tentando fugir. Eles cercaram quarteirão e prenderam os acusados F.G.B. e J.C.M., ambos de 22 anos. Durante buscas na casa, os policiais encontraram vários medicamentos que foram furtados em uma farmácia na avenida Djalma Castro Alves, bairro Uberaba I, além de roupas com etiquetas que foram furtadas em uma loja no Boa Vista. No local eles ainda prenderam o suspeito M.H.S., de 28 anos, e encontraram cerca de R$ 6 mil em dinheiro, além de entorpecentes.

Os crimes - O duplo homicídio foi registrado na madrugada do dia 8 de setembro em uma residência na rua Maria Abadia Silva na Vila Arquelau, onde os irmãos Eduardo e Raílson estavam com a mãe e foram surpreendidos por um homem que estava armado com uma pistola e atirou contra Fernando, que chegou a correr para fora da casa e morreu na rua. O irmão dele Raílson foi atingido por um tiro na cabeça e a mãe deles atingida por um disparo de raspão. Após o crime, o acusado fugiu sentido ao bairro Jardim Triângulo. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram ao local e constataram o óbito. 

 Os acusados de duplo homicídio, tráfico de drogas e receptação foram levados para a delegacia e apresentado ao delegado de plantão Carlos Eduardo Gessy, que cumpriu os mandados de prisão e ratificou o flagrante do acusado M., por receptação e envolvimento com drogas. Na tarde de ontem o trio foi encaminhado para a Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira em Uberaba, onde permanecem à disposição da Justiça.

 

Produtos de crime foram encontrados com os suspeitos 

 

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias