Mineradora

Vale reverte prejuízo e tem lucro de R$ 6,5 bilhões no 3º trimestre

O resultado também representou uma alta de 13,71% na comparação com o mesmo período do ano passado

26/10/2019 06h00
Por: Redação

 

A Vale registrou lucro líquido de R$ 6,5 bilhões no terceiro trimestre de 2019, revertendo o prejuízo dos três meses anteriores, de acordo com balanço divulgado pela companhia na quinta-feira (24). O resultado também representou uma alta de 13,71% na comparação com o mesmo período do ano passado.

No segundo trimestre, a mineradora teve prejuízo de R$ 384 milhões. O resultado anterior foi reflexo dos efeitos da tragédia com a barragem da Vale em Brumadinho, em Minas Gerais. Ao fim período, os principais acordos para indenizações, de cerca de R$ 2,2 bilhões, já haviam sido pagos em compensações por danos materiais e morais, segundo a Vale.

A Vale informou ainda que o resultado do terceiro trimestre foi positivo porque as “provisões de R$ 7,8 bilhões relacionadas à ruptura da barragem de Brumadinho, à descaracterização da barragem de rejeitos de Germano e à Fundação Renova, todas (foram) reconhecidas no segundo trimestre”.

Já no terceiro trimestre, o impacto da tragédia no balanço foi menor, de R$ 893 milhões. O valor se refere a “ serviços de comunicação, acomodação e assistência humanitária, equipamentos, serviços jurídicos, água, ajuda alimentícia, impostos, entre outros”, de acordo com a Vale. Não houve provisões adicionais.

 

Receita em alta; dívida em queda - No período, as receitas da empresa foram de R$ 40 bilhões - o que representa um aumento de 13% na comparação com o trimestre anterior e de 7,4% em relação a 2018.

A Vale também informou que a dívida bruta recuou no terceiro trimestre. Ela totalizou US$ 14,786 bilhões, uma queda de US$ 1,004 bilhão na comparação com os três meses anteriores.

O recuo do endividamento, segundo a companhia, ocorreu pela liberação de caixa bloqueado no valor de US$ 1,8 bilhão e por causa da forte geração de caixa no período.

Os investimentos totalizaram US$ 891 milhões no terceiro trimestre, sendo compostos por US$ 135 milhões em execução de projetos e US$ 756 milhões na manutenção das operações.

 

Produção - A mineradora produziu 86,7 milhões de toneladas de minério de ferro no terceiro trimestre, alta de 35,4% frente ao trimestre anterior. O aumento aconteceu diante da retomada das operações de Brucutu e o retorno parcial das operações de processamento a seco no Complexo Vargem Grande, anunciados em junho e julho.

Mas, na comparação com um ano antes, a produção caiu 17,4%.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias