Polícia

Acusado de esfaquear homem no Mercado é preso pela PM

A prisão aconteceu em uma residência na rua São Caetano no bairro Abadia

08/11/2019 17h30Atualizado há 2 dias
Por: Redação
D. foi preso escondido em uma casa no bairro Abadia
D. foi preso escondido em uma casa no bairro Abadia

Jovem acusado de esfaquear o cunhado em via pública acabou capturado por policiais militares. A prisão aconteceu em uma residência na rua São Caetano no bairro Abadia, onde os policiais militares de viatura de Patrulha de Operações (Pop) da PM compareceram no imóvel após levantamento de denúncias anônimas. No local eles viram o suspeito D.J.S., de 20 anos. Ao perceber a presença dos militares, ele tentou fugir correndo pulando muros, mas foi perseguido e capturado. Ao ser questionado D., confessou que tentou tirar a vida do cunhado. 

 

O crime- A tentativa de homicídio aconteceu na Praça Doutor Carlos Terra no estacionamento do Mercado Municipal na manhã da última quarta-feira (6), onde segundo informações de testemunhas a vítima R.L.O., de 46 anos, agrediu a companheira que é irmã do acusado D., em uma casa na rua dos Andradas no bairro Abadia. O jovem que presenciou as agressões, ficou revoltado, se armou com uma faca e atingiu R., com um golpe na coluna. No dia dos fatos a vítima R., foi socorrida por uma ambulância do Samu e levado em estada gravíssimo para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), onde permanece internada se recuperando sob observação médica.

Ao ser questionado sobre a tentativa de homicídio o acusado D., confessou o crime. Ele foi levado para a delegacia e apresentado ao delegado de plantão que confirmou a prisão. Na manhã de ontem D., foi levado para a penitenciária Professor Aluízio Inácio de Oliveira onde em Uberaba onde permanece a disposição da Justiça. (JC) 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias