15°C 29°C
Uberaba, MG
Publicidade

Bolsonaro e Michelle antecipam aniversário com bolos do Palmeiras e de pets

Comemoração dias antes da data oficial indica que Michelle deve mesmo retornar ao Brasil antes da terça-feira

18/03/2023 às 12h33
Por:
Compartilhe:
Bolsonaro e Michelle comemoraram aniversário antecipadamente nos Estados Unidos — Foto: Reprodução / Instagram
Bolsonaro e Michelle comemoraram aniversário antecipadamente nos Estados Unidos — Foto: Reprodução / Instagram

Bolsonaro e Michelle comemoraram aniversário antecipadamente nos Estados Unidos — Foto: Reprodução / Instagram

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro comemoram nesta sexta-feira (17), antecipadamente, os aniversários dos dois, que são comemorados na próxima semana. A comemoração antecipada reforça a ideia de que Michelle voltará mesmo ao Brasil nos próximos dias. Bolsonaro fará 67 anos na terça-feira (21). Já Michelle Bolsonaro fará 41 no dia seguinte.

A comemoração, em Orlando, na Flórida, contou com doces, frutas e salgados e um bolo do Palmeiras em homenagem ao ex-presidente. No caso da ex-primeira-dama, foi escolhida a temática pet, com desenhos de patinhas de animais na decoração. Apesar de se dizer palmeirense, Bolsonaro, que costuma usar camisas de diversos clubes brasileiros, trajava um uniforme do Goiás.

A visita

A ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro embarcou na terça-feira (14) com destino a Orlando, para se encontrar com Bolsonaro. A ida aos Estados Unidos acontece no momento em que esquenta o escândalo das joias no valor de R$ 16,5 milhões retidas na Receita Federal. O ex-ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse aos auditores e em entrevista que os presentes do governo da Arábia Saudita seriam para a primeira-dama. Michelle, porém, diz que nem estava sabendo da existência dos objetos, que estão presos na Receita desde outubro de 2021, apesar de todas as tentativas do antigo governo de recuperá-los. Um outro pacote, com joias masculinas, está com Bolsonaro, que prometeu entregar ao Tribunal de Contas da União (TCU).

Ao encontrar-se com Michelle, Bolsonaro afirmou que a primeira-dama ficaria no país norte-americano por quatro ou cinco dias. Já ele deve estender sua viagem pelo menos até o dia 29 de março. Segundo Bolsonaro, sete dias antes da data, ele vai avaliar as condições no Brasil para ver se retorna mesmo ou se fica mais um tempo nos Estados Unidos, onde está desde o dia 30 de dezembro, um dia antes de deixar a Presidência.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias