Prefeitura- coronavírus
Coluna

Pet News

Marcos Moreno

Marcos Moreno

Marcos MorenoSou Marcos Moreno, comunicador com vários anos dedicados ao trabalho de colunista e assessor de imprensa. Há alguns anos com trabalho na mídia impressa e eletrônica voltado para os animais, notadamente pets.

13/12/2019 06h00
Por: Redação

Corrida do bem!

No próximo dia 15 de dezembro acontece em Uberaba a 2ª edição da corrida promovida pela franquia Chopp time Fest. O evento se completa com uma grande festa que vai rolar no primeiro quarteirão da av. Alexandre Barbosa que será devidamente adequado, com pórtico e palco para premiação dos atletas. No entorno, várias atividades sociais porque a franquia é ligada ao trabalho social que acredita ser da maior relevância. Por exemplo terá um bazar excelente com renda totalmente revertida para uma entidade de filantropia.

Muita bacana e da hora também é a feira de adoção responsável de animais que vai rolar no espaço do evento, porque a marca é uma das grandes apoiadoras da causa animal. As inscrições para a corrida (já encerradas, naturalmente) receberam doação de leite, que será doado para o Hospital Hélio Angotti e para a Associação de Amparo ao Idoso Flor da Cidade. São 500 litros de leite ao todo.

Para a diversão, o espaço vai contar com praça de alimentação e duas bandas. Mega evento, super da hora, juntando só práticas saudáveis, porque o mundo precisa dessa boa energia. Vai lá! Via curtir. Você ainda pode sair de lá carregando no colo uma pet que, sem dúvida, vai fazer você muito feliz. Veja na seção Flash do blog três dos lindos cachorrinhos que vão estar lá, esperando por um novo lar.

 

Adoção Responsável

Todo final e início de ano é a mesma coisa: os Centros de Controle de Zoonoses (CCZ) e ONGs de proteção animal ficam com seus abrigos lotados. A maioria dos bichinhos foi abandonada por conta das férias - muitas famílias não querem levar o animal e simplesmente o abandonam na rua. Outros foram presentes de Natal e acabaram descartados diante dos muitos cuidados que necessitam.

Essa situação triste pode ser revertida com a adoção de animais. Cada vez mais, campanhas pelo Brasil estão incentivando a prática no lugar de comprar um animal “novo em folha”. A variedade é grande: cães e gatos de todos os portes, raças e idades estão disponíveis em vários abrigos pelo Brasil.

Tamanho e idade, aliás, são dados que devem ser levados em consideração na hora da adoção. “Filhotes são como crianças, precisam de mais atenção, devem ser educados constantemente e mordiscam, pulam, querem brincar o tempo todo e podem derrubar as pessoas”, explicou a veterinária Mônica Almeida,.

Outra reflexão importante a ser feita antes da adoção são os motivos que levam a adotar. Um cão ou gato vai viver com a família, no mínimo, pelos próximo dez anos. “Ele requer tempo, atenção e gera despesas com alimentação, saúde, higiene e lazer”, afirmou Rafael Miranda, coordenador de uma ONG.

 

Final feliz

Uma vez que a família esteja de acordo, é hora de encontrar o animal certo. “Não basta pegar o primeiro que encontrar na rua”, aconselhou Rafael Miranda. “Você tem que ‘namorar’ o animal e ver se ele também gosta de você”, diz. A busca pode começar pelo CCZ da sua cidade ou estado, ou em ONGs locais, que possuem animais em seus abrigos. Manaus, Cuiabá, Curitiba, Belo Horizonte e Florianópolis são algumas das localidades em que os centros são muito procurados por pessoas interessadas em um animal de estimação.

Outra forma de encontrar o animalzinho é dar uma busca pelos sites de entidades de proteção ao animal de todo o País, que colocam fotos e dados sobre os bichos disponíveis para adoção. A maior parte dos animais é entregue castrada, vacinada e vermifugada.

Nos grandes centros urbanos, é necessário levar guia (para cães) ou caixa de transporte (para gatos).