Quarta, 08 de Dezembro de 2021
18°

Poucas nuvens

Uberaba - MG

Veículos Oscilação do dólar

Venda de veículos importados despenca em 2019, diz setor

Para 2020 o cenário é mais otimista: a expectativa é crescer 22% com câmbio a R$ 4

11/01/2020 às 06h00
Por: Redação
Compartilhe:
Para 2020 o cenário é mais otimista: a expectativa é crescer 22% com câmbio a R$ 4 - Foto: Divulgação
Para 2020 o cenário é mais otimista: a expectativa é crescer 22% com câmbio a R$ 4 - Foto: Divulgação

A venda de veículos importados registrou queda de 8% em 2019 após forte oscilação do dólar. As quinze marcas filiadas à Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores comercializaram 34 mil unidades. A previsão inicial era de 50 mil.

Para 2020 o cenário é mais otimista: a expectativa é crescer 22% com câmbio a R$ 4. É o que analisa o presidente da Abeifa, José Luiz Gandini.

“A economia volta a crescer, o Brasil deve ter novamente grau de investimento, a reforma tributária deve ser aprovada. Com isso, o dólar deve dar uma estabilizada. Isso nos permitiria um número bem melhor esse ano.”

As marcas importadas de luxo e esportivos continuam com bom desempenho. O gerente de Relações Públicas da Porche, Rodrigo Soares, garante expansão de três concessionárias no Brasil.

“Até por ser um mercado de aproximadamente 2% a 3% em relação ao mercado total, ele é mais estável. Desde 2015 temos, no Brasil, um crescimento médio de 20%. Isso dá uma estabilidade.”

As marcas BMW, CAOA Chery, Land Rover e Suzuki, que produzem no Brasil, emplacaram no ano passado 33 mil veículos — alta de 39%. Para 2020, as montadoras esperam vender 48 mil, um crescimento de 47%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Veja também
Ele1 - Criar site de notícias