Futebol

Timão tenta avançar na Libertadores pela primeira vez na Arena

O grito das arquibancadas não chega a ser novidade no Corinthians

12/02/2020 06h00
Por: Redação
Torcida promete lotar Arena Corinthians: “É quarta-feira” - Foto: Marcos Ribolli
Torcida promete lotar Arena Corinthians: “É quarta-feira” - Foto: Marcos Ribolli

“É quarta-feira”!

O grito das arquibancadas não chega a ser novidade no Corinthians e não foi cantado pelo resultado ruim contra a Inter de Limeira, domingo passado, na Arena.

Os corintianos que estiveram em Assunção, no estádio Nueva Olla, também cantaram “é quarta-feira” quando o árbitro apitou o fim de jogo na derrota por 1 a 0 para o Guaraní, no jogo de ida da segunda fase da Copa Libertadores. Isso tudo pode ser explicado por um fato curioso.

Hoje, às 21h30, o Corinthians tentará a primeira classificação em duelo mata-mata, na Copa Libertadores, diante da sua torcida na Arena Corinthians. Até aqui, foram três oportunidades e três fracassos: Em 2015, o próprio Guarani-PAR eliminou o time de Tite; Em 2016, o Nacional-URU, com gol de Nico López, eliminou outra vez a equipe de Tite; Em 2018, a equipe chilena do Colo-Colo perdeu por 2 a 1, mas eliminou o Corinthians na Arena pelo gol marcado fora de casa.

As três quedas foram na fase de oitavas de final da Libertadores. Dessa vez será a segunda fase, antes dos grupos, etapa que o Corinthians nunca decidiu em casa. Em 2011 perdeu para o Tolima e foi eliminado na Colômbia, e em 2015 passou pelo time colombiano do Once Caldas, decidindo na Colômbia após goleada por 4 a 0 no jogo de ida, em Itaquera.