Futebol

Pedrinho aumenta “sina” de expulsos do Corinthians

O meia ficou apenas 28 minutos em campo depois de levar dois cartões amarelos

14/02/2020 06h00
Por: Redação
Pedrinho é expulso em Corinthians 2 x 1 Guaraní - Foto: Marcos Ribolli
Pedrinho é expulso em Corinthians 2 x 1 Guaraní - Foto: Marcos Ribolli

A eliminação do Corinthians na segunda fase da Copa Libertadores reforça uma “sina” do time nos últimos anos em que disputou o torneio.

À exceção de 2012, quando foi campeão invicto do torneio, o Corinthians tem vivido roteiros semelhantes: quedas em fases precoces da Libertadores e com jogadores expulsos nos jogos decisivos.

Foi assim com Pedrinho, na última quarta-feira, na vitória por 2 a 1 sobre o Guaraní. O meia voltou da seleção brasileira, colocou-se à disposição do técnico Tiago Nunes, mas ficou apenas 28 minutos em campo depois de levar dois cartões amarelos do árbitro Nestor Pitana.

Com ou sem expulsões, o Corinthians só passou das oitavas da Libertadores neste século no ano do título. Foi eliminado nas fases prévias em 2011 e 2020 e exatamente nas oitavas em outras sete oportunidades: 2003, 2006, 2010, 2013, 2015, 2016 e 2018.