Quarta, 08 de Dezembro de 2021
20°

Alguma nebulosidade

Uberaba - MG

Veículos Veículos

Simulador de Impacto reforça importância do uso do cinto

Servidores da Cidade Administrativa e pedestres puderam simular um acidente em uma velocidade de 5 km/h

22/02/2020 às 06h00
Por: Redação
Compartilhe:
Equipamento lançado na Cidade Administrativa, em BH, é aberto ao público com mais de 14 anos e demonstra o impacto de uma colisão de automóvel - Foto: Divulgação/Seinfra
Equipamento lançado na Cidade Administrativa, em BH, é aberto ao público com mais de 14 anos e demonstra o impacto de uma colisão de automóvel - Foto: Divulgação/Seinfra

Uma parceria entre Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), Polícia Militar Rodoviária e a Eco135 - concessionária que administra a BR-135, no Norte de Minas - traz para o estado uma novidade na busca por um trânsito mais seguro. O Simulador de Impacto, equipamento que reproduz uma colisão de carro, com a finalidade de estimular o uso do cinto de segurança, foi lançado nesta quinta-feira (20/2), na Cidade Administrativa.

Aproveitando a proximidade do Carnaval, época de trânsito intenso nas estradas, o aparelho foi utilizado para conscientizar sobre a importância do cinto. 

Durante o evento, os servidores da Cidade Administrativa e pedestres puderam simular um acidente em uma velocidade de 5 km/h.

O simulador é aberto ao público com mais de 14 anos de idade e, ainda que em baixa velocidade, é possível sentir o impacto da colisão e a projeção do corpo. “A ideia é fazer com que a pessoa reflita sobre como seria um acidente a velocidades muito mais altas, e conscientizar sobre a importância do uso do cinto de segurança em todos os bancos do veículo”, explica o gerente de Atendimento ao Usuário da Eco135, João Paulo de Toledo.

“Fiquei até assustada, porque você sente que é um impacto que já poderia te machucar. Dá para ter uma certeza de que se estivesse sem cinto, machucaria. Nessa época do ano o pessoal acaba sendo inconsequente, principalmente quem anda no banco do passageiro, que quase nunca usa o cinto de segurança, então achei muito interessante”, disse a servidora da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), Angele Same.

“O simulador é uma ferramenta muito importante nas campanhas de conscientização para um trânsito mais seguro. Como ele demonstra, na prática e de forma controlada, a força causada pelo impacto mesmo em baixa velocidade, também sensibiliza sobre a importância do cinto de segurança, que é obrigatório para todos os ocupantes dos veículos”, reforça o comandante do Comando de Policiamento Rodoviário (CPRv), coronel Valmir José Fagundes. 

Dados da Polícia Militar de Minas Gerais, por meio do Comando de Policiamento Rodoviário, apontam que,  nas operações realizadas em rodovias estaduais e federais delegadas à fiscalização da PMMG, entre 2018 e 2019, cerca de 10% dos veículos foram autuados em virtude de não utilização do cinto de segurança por condutores ou passageiros de veículos. 

“Fiquei impressionado, de a apenas 5km/h, ter esse barulho e essa pancada. Achei que fosse menos. Cinto de segurança sempre”, afirmou o superintendente da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Rodrigo Fernandes. 

 

Segurança viária - O Simulador de Impacto é uma entre várias iniciativas empreendidas dentro das ações de segurança viária, que são previstas no contrato de concessão firmado com o Governo do Estado, via Seinfra. A concessionária Eco135 levará o equipamento, ainda, para as cidades abrangidas no trecho concedido. 

A Eco135 administra os trechos das rodovias BR-135, MG-231 e LMG-754. São 363,95 quilômetros de extensão, a partir da BR-040, nas proximidades de Curvelo até Montes Claros. Durante os 30 anos de concessão, serão investidos mais de R$ 1,9 bilhão em obras. As principais melhorias previstas no contrato são a duplicação de 136 quilômetros da rodovia e a implantação de 110 quilômetros de faixas adicionais.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Veja também
Ele1 - Criar site de notícias