Prefeitura- coronavírus
Saúde

Hospital Regional tem leitos aptos para atender casos suspeitos de coronavírus

Iraci lembra a condição de Uberaba de cidade polo e informa que a Vigilância Sanitária está percorrendo os hospitais da cidade para atualizar os perfis quanto a leitos de UTI e de enfermaria

28/02/2020 06h00
Por: Redação
Hospital Regional José de Alencar é um dos três hospitais que pode receber casos suspeitos de contaminação pelo coronavírus - Foto: Divulgação/PMU
Hospital Regional José de Alencar é um dos três hospitais que pode receber casos suspeitos de contaminação pelo coronavírus - Foto: Divulgação/PMU

O secretário de Saúde de Uberaba, Iraci de Souza Neto informou ontem que o Hospital Regional (HR) José de Alencar é um dos três hospitais que pode receber casos suspeitos de contaminação pelo coronavírus em Uberaba. Na lista estão também os hospitais das Clínicas/UFTM e Universitário Mário Palmério.  Os dois pacientes em investigação estão em isolamento no HR, acompanhados por equipe de infectologistas enquanto aguardam análise do material colhido para exames.

 

Estrutura - Iraci lembra a condição de Uberaba de cidade polo e informa que a Vigilância Sanitária está percorrendo os hospitais da cidade para atualizar os perfis quanto a leitos de UTI e de enfermaria em condições dentro dos critérios do protocolo de tratamento de isolamento. Segundo ele, os leitos para suspeitos de Coronavírus precisam de sistema específico com despressurização e troca de ar sem contato com outros ambientes. “Os leitos do Hospital Regional dispõem desse sistema de ventilação própria. Então estamos - num primeiro momento - com cinco leitos aptos para absorver esses pacientes. O Hospital Universitário já sinalizou que tem dois leitos com esse sistema também, mas ainda não tenho essa informação sobre o Hospital das Clínicas”, destaca.

Iraci ressaltou que nem todos os pacientes com suspeita do Covid-19 precisam de ambiente hospitalar. “Se não evoluir para risco maior da condição clínica, pode-se orientar o isolamento domiciliar, como o Ministério está fazendo, sob acompanhamento da Rede Primária, que terá papel muito importante no plano de tratamento”, enfatiza Iraci.  

 

Orientações - Em reunião técnica na Secretaria Municipal da Saúde de Uberaba nesta quinta (27), com presença de infectologistas foi informado que os hospitais existentes em Uberaba já iniciaram, nas redes pública e privada, as discussões, planejamentos e ações que objetivam o melhor atendimento e assistência à população. Entre as recomendações está a prática recorrente de cuidados de higiene pessoal que envolvem lavar as mãos rotineiramente com água e sabão e/ou uso de álcool em gel à 70%; evitar proximidade física com quem tenha tido contato nos últimos dez dias com pessoas que tenham estado em um dos países com surtos do coronavírus; ao tossir proteger boca e nariz com lenço de papel descartável ou cobrir a boca e nariz com o antebraço.