15°C 29°C
Uberaba, MG
Publicidade

Inverno será com tempo seco e quente e deve refrescar em setembro

Inverno será com tempo seco e quente e deve refrescar em setembro

20/06/2024 às 04h00
Por: Redação
Compartilhe:
Climatologista Wanda Prata afirma que tempo irá refrescar somente em setembro ou outubro
Climatologista Wanda Prata afirma que tempo irá refrescar somente em setembro ou outubro

Maria das Graças Salvador

O inverno começa oficialmente na tarde de sexta-feira, 21 e a previsão é que a nova estação trará um tempo mais seco e quente em Minas Gerais e em Uberaba. “Nosso inverno vai ser um inverno quente e seco. Nós vamos ter poucas entradas de ar mais fresco porque as oscilações da Antartica queimando os balões de ar polar para chegar na Argentina e Uruguai com a baixa do chaco e formar as linhas de convergência que sobe trazendo a chuva fria e o frio está neutra. Não está subindo, por enquanto, nada de ar polar. Todo ar mais fresco que entra para nós vem do trenzinho de ondas de altas e baixas pressões que sai do Oceano Índico e da volta no planeta nas áreas subtropicais”, a informação é da climatologista Wanda Prata.
A climatologista observa que esta alta pressão chega e quando ela consegue entrar dentro do Brasil pelo Sul, traz um ar mais mas agradável, menos quente. “Mas estamos com um bloqueio na parte Central do Brasil, uma alta pressão que em cima é alta pressão, mas embaixo é baixa pressão, muito quente e muito seca. Então entra um pouco desse ar frio que chega perto da alta pressão, mas é pouca coisa. Então nós temos ali algumas entradas, por exemplo, do dia 21 até o dia 24 tem uma entrada que refresca um pouco as temperaturas na parte da tarde. Mas, nós vamos continuar aquecidos. Dois a três graus acima da média. Então vamos ter manhãs frescas e tardes aquecidas entre 28, 29, 30, 31, 32. Assim vai até o final do mês e depois julho não será diferente, apenas um pouco mais fresco. Mas ai não será por conta de entrada e sim por ser o maior afastamento do Sol. Então nós temos menos insolação, temos a entrada dessas altas pressões mais frescas”, conta Wanda Prata.
Ainda segundo a climatologista, temos outro probleminha “que acontece quando está ocorrendo esse bloqueio, que é essa alta pressão no Centro do país. Se você tem o dia cheio de nuvens, a tarde o céu está bastante encoberto, a terra guarda o calor que ela recebeu e não perde ele de madrugada, mas se não tem cobertura o calor vai embora. Então o dia amanhece com 15º e 16º de manhã e logo vai aquecendo. É a perda radiativo. É por isso que a gente tem as manhãs mais frias e as tardes aquecidas”.
Wanda Prata afirma, ainda que este tempo seco e quente vai persistir no inverno. “Vamos continuar assim enquanto não houver mudança na oscilação da Antártica, ela tem que passar a ser negativa. A hora que ela passar a ser negativa, o vórtice ciclone joga para fora e ela aí ela joga as massas de ar para as áreas tropicais e nós teremos a chegada desse frio,  tardio, lá para setembro ou outubro que vamos ter ar frio chegando, vamos ter geadas tardias, Só que, por enquanto, a gente não sabe até onde que vai essas geadas e nem até onde vai esta geada e este frio significativo, mas frio de inverno nós vamos ter. Esses frios vão aparecer depois de agosto, setembro porque é só quando a oscilação da Antártica se tornar negativo. Até não acontecer esta mudança nos vamos ter tempo quente e seco, sujeito a queimadas. Temos de ter cuidado com a desidratação e tomar bastante água. O período da tarde está variando entre 22 e 30% de umidade do ar, está muito quente e seco e é preciso cuidado”, diz a climatologista reforçando que é preciso de ar frio (polar) e úmido do oceano para ter  chuva. “Portanto, o inverno será aquecido e muito seco”, finaliza Wanda Prata. 

Alerta – A umidade relativa do ar pode chegar até 20%, abaixo do ideal. Minas Gerais tem 714 municípios em alerta para tempo seco com umidade relativa do ar entre 30% e 20%, segundo emitiu o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O número representa 84% do Estado e inclui Uberaba. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), quando a umidade relativa do ar está abaixo de 30%, a situação é considerada preocupante e acarreta riscos. Com o tempo seco, são intensificados os problemas de desidratação, oftalmológicos, respiratórios e cardiovasculares. Pessoas com tendência a contrair câncer de pele também devem redobrar os cuidados. 
“Neste tempo seco, as pessoas devem beber bastante líquido, evitar desgaste físico nas horas mais secas, evitar exposição ao sol nas horas mais quentes do dia”, aconselha Wanda Prata.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias