Mosaic
Prefeitura- coronavírus
Polícia

Suspeitos de roubo resistem a prisão

Por medo do Coronavírus, suspeitos que resistiram à prisão dispensaram ida a Pronto Socorro

24/03/2020 06h00
Por: Marconi Lima
Por medo do Coronavírus, suspeitos que resistiram à prisão dispensaram ida a Pronto Socorro
Por medo do Coronavírus, suspeitos que resistiram à prisão dispensaram ida a Pronto Socorro

A Polícia Militar (PM) recebeu denuncia anônima, relatando autores de roubo em data anterior em uma fazenda na região da Santa Barbara, em Sacramento, estariam em uma residência no bairro Novo Alvorecer. Os militares foram até o local, onde visualizaram vários indivíduos. Todos eles começaram a correr quando avistaram a viatura policial, desobedecendo à ordem para se postarem na posição para busca pessoal.

Dois suspeitos investiram com socos e chutes contra os militares no intuito de garantir a fuga dos outros indivíduos que também estavam no local, foi necessário usar força física para conter os agressores, sendo que neste momento uma suspeita agrediu com unhadas um dos militares. 

Os outros dois suspeitos foram contidos com apoio de outra viatura, sendo que até a chegada do reforço, os militares que estavam na ação foram ameaçados de morte pela suspeita. 

Com a chegado do apoio foi dado voz de prisão a suspeita tendo ela resistido ativamente sendo necessário o uso de força física para conte-la. Outro suspeito, mesmo algemado desferiu chutes em um militar para tentar impedir a prisão da parceira. 

Dentro da residência onde estavam os suspeitos, foi localizado mais um indivíduo, dos que haviam tentado fugir. Tratava-se de um menor. Ainda no imóvel, os PMs encontraram um telefone celular, uma faca e uma blusa de cor azul. Todo esse material foi reconhecido via foto como semelhantes aos subtraídos no roubo. 

Outros indivíduos conseguiram evadir não sendo identificados. A denuncia que motivou a abordagem dos suspeitos relatava que dois deles corromperam o menor para prática de crimes. 

Nenhum dos detidos quis deslocar ao Pronto Socorro local por receio de ser contaminado pelo "Coronavirus". 

Os autores foram presos e entregues a Delegacia de Polícia juntamente com o material e menor apreendido. O delegado de plantão determinou para os envolvidos serem liberados mediante assinatura de termo de compromisso de comparecimento. (ML)