Coluna

Lawrence Borges

Bastidores

24/03/2020 06h00
Por: Redação

AUMENTAR O CACIFE

Informações dão conta que o deputado estadual Heli Andrade (PSL) andou

conversando com diversas lideranças partidárias em Belo Horizonte,

anunciando sua pré-candidatura a prefeito de Uberaba, diversos

presidentes estaduais hipotecaram apoio.

 

TRADUÇÃO

Tem pré-candidato que não aparece nas pesquisas eleitorais, que estão

montando chapas a vereador, irão sofrer pela famosa "puxada de tapete",

depois do dia 4, já existe uma lista de partidos que trocaram de

presidente.

 

Dê MOROU

Um dos partidos cogitados para troca de comando é o PSC do prefeitável

Dê da Só Faróis, caciques do partido não aprovaram a filiação do

vereador Thiago Mariscal. Corre o risco do partido não lançar chapa de

vereadores.

 

CIDADANIA

Com a ida de Kaká Carneiro para o Cidadania, viabilizou a chapa de

vereadores do partido, com candidatos "medalhões" poderá ter

representatividade na Câmara.

 

PORTAS FECHADAS

A opção do vereador Thiago Mariscal seria trocar o PSC pelo Cidadania,

contudo, empresário da construção civil já bateu na mesa e disse que no

Cidadania não aceita o vereador, ameaçando cortar cabeças.

 

ONDE ESTÁ JAMAL?

O mistério continua quanto a filiação do presidente da Cohagra, Marcos

Jammal está namorando o PSDB, PTB e PDT, para disputar a eleição para

prefeito.

 

INDECISÃO

Ser ou não ser, eis a questão? Jammal vive dilema interno quanto a ser

candidato a prefeito, embora apareça com uma boa intenção de voto, com

baixa rejeição, lhe falta apoio do grupo político do prefeito Paulo

Piau. A decisão será tomada no último momento.

 

PASSARINHO AZUL

Candidato a vereador foi conhecer a estrutura do PSD e do PSL para as

próximas eleições, em conversa com a coluna BASTIDORES constatou que os

referidos partidos farão apenas um candidato a vereador, a votação

estimada de pré-candidatos está altíssima. Nomes cotados para serem

eleitos Aguinaldo Silva (PSL) e Ismar Marão (PSD).

 

ADIAMENTO DAS ELEIÇÕES

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou que o Congresso

deveria adiar as eleições municipais deste ano, marcadas para outubro,

para conter o avanço do novo coronavírus no país. O comentário foi feito

durante reunião por videoconferência com prefeitos de capitais, neste

domingo (22).

 

CORTES SUSPENSOS

O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello suspendeu

cortes no programa Bolsa Família e a garantia de liberação uniforme de

recursos para novos beneficiados entre os Estados até o fim do período

de estado de calamidade pública decretado pelo governo federal após

avanço do coronavírus.

 

RELIGAÇÃO DE ÁGUA

A Codau suspendeu o corte no fornecimento de água das residências

inadimplentes, aqueles que desejarem o religamento de água é só ligar no

115 e solicitar a religação.

 

SANIDADE MENTAL

A postura de Jair Bolsonaro diante da pandemia do coronavírus motivou

pedido de um grupo de advogados para que o presidente seja interditado.

O grupo denominado "Advogados e Advogadas pela Democracia" requer,

conforme solicitado para o Ministério Público Federal do Distrito

Federal (MPF-DF) que seja feita uma avaliação psiquiátrica de Bolsonaro.

 

CORONAVIRUS SEM IMPORTÂNCIA

Uma pesquisa da Paraná Pesquisas, divulgada ontem, aponta que a maior

parte da população brasileira considera que o presidente da República

não dá a importância devida à pandemia do novo coronavírus.

 

NÚMEROS DA PESQUISA

A maioria dos entrevistados (51,4%) pensa que Bolsonaro dá pouca

importância ao coronavírus. Já outros 31,1% acham que o presidente dá a

importância devida, enquanto 11,8% vêem que o chefe do Executivo

nacional dá muita importância ao tema. O restante dos ouvidos (5,7%) não

sabe ou não opinou.

 

NÚMEROS DA PESQUISA II

A segunda pergunta da pesquisa é se Bolsonaro é negligente ou não com a

pandemia. A maior parte dos ouvidos pensa que sim: 49,9%. Outra parcela

considerável, de 42,7%, considera que o presidente conduz a crise de

maneira adequada. 7,5% não sabem ou não responderam.

 

CALAMIDADE EM MINAS

O presidente da Assembleia Legislativa, Agostinho Patrus (PV) anunciou,

neste domingo, que o Assembleia Fiscaliza - que deve votar, na próxima

quarta (25), o projeto de lei, enviado pelo governador Romeu Zema

(Novo), que coloca Minas Gerais em estado de calamidade pública por

conta da pandemia do coronavírus.

 

CORONAVIRUS EM MINAS

O número de casos confirmados de coronavírus subiu de 83 para 128 em

Minas Gerais. Essa é a informação divulgada na tarde desta segunda-feira

pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG).

 

TOTAL DE CASOS

O número de casos em investigação passou de 7.190 para 7.766 em 24

horas. Ao todo, entre casos confirmados e suspeitos, Minas Gerais tem

8.149 registros ligados à Covid-19.

 

CIDADES

Número de casos confirmados por município sobe todos os dias, em Belo

Horizonte: 60, Betim: 1, Bom Despacho: 1, Campos Altos: 1, Contagem: 1,

Contagem: 1, Coronel Fabriciano: 1, Divinópolis: 1, Ipatinga: 1, Juiz de

Fora: 8, Lagoa da Prata: 1, Mariana: 2, Nova Lima: 7, Patrocínio: 1,

Poços de Caldas: 1, Sete Lagoas: 2, Timóteo: 1, Uberaba: 3, Uberlândia:

6, Em investigação: 28

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários