Mosaic
Prefeitura- coronavírus
Coluna

Lawrence Borges

Bastidores

Bastidores

BastidoresBastidores por Lawrence Borges

26/03/2020 06h00
Por: Redação

ANOITECENDO E NÃO AMANHECENDO

A formação das chapas de vereadores está tirando sono de muitos dirigentes partidários, candidatos anoitecendo em um partido e amanhecem e outro. Puxa lá da cá, está cada dia mais intenso.

 

DESMONTE

Marinheiros de primeira viagem e sem poder de articulação não estão dando conta de entregar o que prometeram, candidatos estão abandonando os partidos e seguindo aonde conseguem enxergar viabilidade eleitoral para serem eleitos.

 

BLOCO DA ADMINISTRAÇÃO

Os partidos que compõem a base da administração municipal irão fazer a maioria da câmara municipal, articulador confidenciou a coluna BASTIDORES que o MDB e o DEM farão 3 cadeiras, seguido do PSDB, PDT, PP e Podemos, podendo chegar a 14 cadeiras.

 

VEREADORES DO PSDB

O PSDB em Uberaba sob a presidência de Thiago Tiveron organizou uma das melhores chapas proporcionais sem vereador eleito. Tiveron promete eleger 2 vereadores para a próxima legislatura.

 

MAJORITÁRIA DO PSDB

Thiago Tiveron reafirma que o PSDB compõe o governo municipal e assumiu o compromisso com o prefeito Paulo Piau (MDB) de apresentar um nome para sucessão municipal, cujos nomes serão apresentados após encerrar o prazo de filiação.

 

VEREADORES DO PDT

O presidente do PDT, Jacoob Estevam, articula a consolidação da chapa de vereadores, com candidatos abaixo de 1000 votos, possibilitando a disputa em pé de igualdade, segundo o presidente 30 candidatos de 500 votos possibilitaria a eleição de 2 vereadores.

 

12 PARA PREFEITO

Em conversa com a coluna BASTIDORES, Jacoob afirma que o partido indicará um nome para disputa majoritária, e acreditando que seu candidato a ser anunciado, terá o apoio do grupo do prefeito Paulo Piau (MDB).

 

RESPOSTA DO AVANTE

O presidente do Avante, Leandro da Visão, entrou em contato com a coluna BASTIDORES para afirmar que as pessoas que desligaram do Avante não são candidatos a vereador, e que terá chapa completa para as eleições de 2020.

 

SOLIDARIEDADE

Assessor do vereador Alan Carlos da Silva confirmou a coluna BASTIDORES que Alan Carlos assinou a ficha de filiação no Solidariedade, e que Ildeu Menezes ficou encarregado de conseguir convencer os pré-candidatos a aceitarem o vereador na chapa.

 

BYE BYE PSC

Fontes da capital belorizontina, afirmaram que o Grupo do deputado Heli Andrade (PSL) estaria compondo a Executiva do PSC em Uberaba que será protocolada no TRE/MG, fulminando a campanha a prefeito "Dê da Só Faróis" e inviabilizando a chapa à vereador de Thiago Mariscal. A coluna BASTIDORES tentou contato com o presidente do partido, mas não retornou as ligações.

 

QUEM RIU POR ÚLTIMO?

Quando saiu o vídeo do vereador Kaká Carneiro com o senador Alvaro Dias comunicando a ida do Podemos para Kaká, o radialista Gleibe Terra Júnior encaminhou áudio ao articulador Rodrigo Matheus, braço direito do deputado Federal Franco Cartafina, dando gargalhada e ironizando que o partido ficaria com ele (Gleibe) e não com Franco. Uma semana depois, a Executiva é publica em favor de Franco. Matheus demonstrou a força do deputado que riu por último.

 

AUMENTO DE 20%

Ministério da Saúde registrou 57 mortes ligadas ao coronavírus e tem 2.433 casos confirmados da infecção. Pela primeira vez, foram registradas mortes fora do eixo Rio-São Paulo. De terça para quarta o aumento foi de 20%!

 

BOI OU CARRAPATO

O discurso do presidente Jair Bolsonaro em rede de rádio e televisão foi taxado como ridículo e absurdo por uns e amado por outros. Para articulador político, Bolsonaro teve que fazer opção pela morte em decorrência do coronavírus ou as mortes em decorrência da crise econômica e financeira pós coronovírus, ou seja, Bolsonaro preferiu salvar o Boi do que matar o carrapato.

 

DESESPERO

A coluna BASTIDORES tomou conhecimento que diversos empresários estão demitindo os funcionários sem o pagamento das verbas rescisórias, levando inúmeros trabalhadores a desespero.

 

MINAS CONTRA CORONA

Minas Gerais vai contar com a participação de 20 unidades prisionais e cerca de 200 detentos na fabricação de máscaras de proteção contra a propagação do coronavírus. A previsão é de que na próxima semana, com a produção a todo vapor, 22 mil máscaras cirúrgicas sejam produzidas diariamente pelos presos, para uso da população, hospitais, asilos e também pelas forças de segurança do Estado. 

 

REDUÇÃO DE SALÁRIOS

Nove associações de servidores públicos criticaram medidas discutidas pelo governo e pelo Congresso Nacional sobre redução do salário do funcionalismo público durante a pandemia do coronavírus no Brasil. De acordo com as organizações, a ideia é "inaceitável", "absolutamente descabida" e "contraproducente".