Banner prefeitura Covid
Coluna

Lawrence Borges

Bastidores

02/04/2020 05h00
Por: Redação
 O secretário de Governo vereador Luiz Humberto Dutra efetuou a prestação de contas ao prefeito Paulo Piau - FOTO: Divulgação
O secretário de Governo vereador Luiz Humberto Dutra efetuou a prestação de contas ao prefeito Paulo Piau - FOTO: Divulgação

DE VOLTA A CÂMARA

Os vereadores Ronaldo Amâncio (PTB) e Luiz Humberto Dutra (MDB) desincompatibilizaram das funções de presidente da Fundação Cultural e Secretária de Governo e retornam à Câmara Municipal.

 

PRESTANDO CONTAS

O vereador Luiz Humberto Dutra apresentou ao prefeito Paulo Piau (MDB) a prestação de contas de 1 ano e 2 meses no exercício da função de secretário de Governo.

 

SENTANDO NA CADEIRA

O secretário de Administração Rodrigo Vieira (PSD) deverá acumular a função de secretário de Governo respondendo interinamente pelas duas secretarias.

 

NA FUNDAÇÃO CULTURAL

O presidente adjunto da Fundação Cultural Ernane Neri deverá assumir a presidência em definitivo, devido a sua competência administrativa e por sua aceitação na comunidade cultural.

 

TO INDO EMBORA

Além de Luiz Humberto Dutra e Ronaldo Amâncio deverá ainda desincompatibilizar das funções Marcos Jammal da Cohagra, Luiz Medina da Funel, Borjão da Sedes e Godoy da Educação, todos deverão disputar a cadeira para vereador.

 

NÃO ENTREGO

Pré-candidatos a vereador afirmam a coluna BASTIDORES que dirigentes partidários recusam a devolver as fichas de filiação já assinadas, após os pré-candidatos desistirem da candidatura em seus partidos.

 

ENTREVISTA

O presidente do Solidariedade Eduardo Palmério foi sabatinado em programa de rádio, quanto a candidatura de Elisa Araújo. A população não entendeu como uma dirigente patronal se filiou em um partido sindical de trabalhadores. 

 

RECADO PARA OS OUTROS

Questionado sobre o suposto envolvimento do Paulinho da Força Sindical, presidente nacional do Solidariedade, em processos criminais, Eduardo Palmério retrucou: “todos os partidos tem pessoas envolvidas”.

 

ASSINOU AO VIVO

O radialista e ex-deputado estadual Tony Carlos em transmissão ao vivo pelo facebook de seu programa de rádio, filiou-se ao PTB do empresário J. Junior, comunicando que será candidato a prefeito pelo partido.

 

INDO EMBORA

Rumores dão conta que o vereador Ronaldo Amâncio (PTB) está de saída para o MDB, abandonando o empresário J. Junior.

 

E AGORA?

Quem eu quero, não me quer! Quem me quer não, vou querer! O hit de sucesso Marília Mendonça está embalando o ex-vereador China, em busca de partido político. PSDB, PDT, PP, PODEMOS recusaram a filiação do ex-vereador.

 

COMPROMISSO

O deputado estadual Heli Andrade (PSL) em isolamento dentro de casa, com receio do coronavirus, por telefone tenta ajudar China a encontrar um partido político que o abrigue para ser candidato. Os presidentes respondem na mesma linha: "filie o China no PSL. Afinal o compromisso era seu!"

 

DESESPERO TOMA CONTA

Presidentes de partidos políticos entram no desespero em busca de mulheres para serem candidatas, tem presidente prometendo o que não tem para lançar candidatas que não são fake! Além da radialista que estava pedindo dinheiro para ser candidata, agora vazou a informação de que um ganhou um "gol usado" para ser candidata.

 

TUDO OK

É hoje que estarei na Câmara o ano que vem! Partido político ok! Candidatos homens ok! Representação feminina ok! Filiados ok! Chapa completa ok! 2 cadeiras ok! É como o presidente do PDT Jacoob Estevam comemora a formatação da chapa de vereadores! Está tudo ok!

 

REVOLTOS COM O PREFEITO

Empresários de Uberaba está começando a enfrentar o decreto do prefeito Paulo Piau (MDB), todos estão questionando, quem irá pagar a conta do prejuízo sofrido. Tem empresário que não terá condições de pagar a folha de pagamento.

 

CENSURA DOS MINISTROS

No novo formato de entrevistas coletivas do Palácio do Planalto, o ministro-chefe da Casa Civil, general Walter Braga Netto, controla as perguntas que serão respondidas e até passa "cola" para os colegas. Foi o que ocorreu nesta terça-feira, 31, quando Braga Netto voltou a intervir para que os ministros Sérgio Moro (Justiça) e Paulo Guedes (Economia) não dessem suas opiniões sobre o que acham da manutenção do isolamento social.

 

LEIS NO SENADO

Parte de um esforço conjunto do Legislativo e do Judiciário para mitigar o impacto jurídico da pandemia do coronavírus, um projeto de lei emergencial do Senado foi apresentado para suspender dispositivos legais até o fim deste ano. A ideia é prorrogar prazos de vigência, suspender prescrições e permitir atrasos de pagamento, inclusive de aluguel, sem judicialização. Se aprovado, o Projeto de Lei 1.179/2020 também posterga por mais 18 meses a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entraria em vigor em agosto.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários