Homem é esfaqueado

Homem é esfaqueado em briga e fica em estado grave

Juliano Carlos

19/08/2019 14h49
Por: Redação
Acusado do crime foi preso pela PM
Acusado do crime foi preso pela PM

Mais uma tentativa de homicídio foi registrada pela Polícia Militar e deixou um homem gravemente ferido.  O acusado do crime foi preso minutos após pela Polícia Militar com a arma utilizada. 

De acordo com informações do cabo da Polícia Militar Júlio César de Oliveira, os militares da 40 Companhia receberam informações sobre uma vítima de esfaqueamento no bairro Gameleiras. Os policiais foram até a rua Calixto Cecílio e conversaram com testemunhas que relataram que a vítima D.O., de 41 anos, foi até a casa do vizinho S.C.M., de 45 anos e eles começaram uma discussão. Minutos após D., saiu correndo com a mão na barriga com sangramento ativo, alegando que tinha sido esfaqueado pelo morador. Ele foi socorrido por testemunhas e encaminhado para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque do Mirante, durante os atendimentos a equipe médica constatou que ele tinha uma lesão e corte contuso grave na barriga e o estado era considerado gravíssimo. D., foi transferido para Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM)onde permanece internado. Os policiais foram até a residência e abordaram acusado S. Ao ser questionado ele disse que a vítima D., foi até a casa dele por três vezes discutir por motivos fúteis e que na última vez D., estava armado com uma faca. Eles entraram em luta corporal e S., disse que tomou a faca da vítima e para se defender desferiu um golpe em sua barriga.

Ele foi preso em flagrante e levado para delegacia e apresentado ao delegado de plantão que confirmou a prisão por tentativa de homicídio. Na manhã de ontem S., foi encaminhado para a Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira onde permanece à disposição da Justiça.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias