Mebox
Saúde

Comportamento pode explicar por que Covid-19 mata mais homens que mulheres

Fatores biológicos como diferenças entre cromossomos e hormônios sexuais também podem ser causas

27/04/2020 11h44Atualizado há 1 mês
Por: Soraya Utsumi
Comportamento e fatores biológicos podem ser as causas de maior mortalidade em homens por coronavírus - Foto: Pexels
Comportamento e fatores biológicos podem ser as causas de maior mortalidade em homens por coronavírus - Foto: Pexels

Estimativas ao redor do mundo apontam que o novo coronavírus atinge mais severamente e causa mais mortes entre pessoas do sexo masculino. Especialistas têm especulado os motivos, mas ainda não há explicações conclusivas.

Dados divulgados pelo Global Health 5050, organização que promove igualdade de gênero na saúde, demonstram que em países com informações detalhadas por sexo há mais casos de Covid-19 entre mulheres do que em homens. Entretanto, a mortalidade entre homens é maior.  Esses dados são referentes à última atualização feita pela instituição no dia 22. 

Entre os fatores biológicos como possíveis causas estão a diferença entre cromossomos, além dos hormônios sexuais, que influenciam em como o organismo responde ao patógeno. Pesquisadores da Universidade de Johns Hopkins também analisam se fatores biológicos, como o sistema imunológico, poderiam explicar a diferença.

Em entrevista à NPR,  a professora de saúde pública global da University College London, Sara Hawkes, prevê que homens têm entre 50% a 80% mais chances de morrer por Covid-19 em comparação às mulheres. Para a pesquisadora, fatores biológicos podem ser um quesito entre outras causas. 

 

Comportamento - A pesquisadora afirma que dados globais indicam que doenças do coração e dos pulmões são mais frequentes em homens e, de acordo com o trabalho que desenvolve, a explicação pode vir do comportamento masculino, comum em diferentes países e culturas, no que se refere ao consumo de cigarro e ao uso de bebidas alcoólicas.

Outro fator comportamental destacado é que homens tendem a buscar atendimento e cuidado médico mais tardiamente que mulheres, o que segundo ela já fora constatado também no caso do Ebola. Se a hipótese estiver correta, para Hawkes a mensagem a ser transmitida é a de que homens precisam buscar cuidados médicos com antecedência.

 

Dados detalhados por sexo - Relatório publicado pelo BMJ Global Health, sobre as diferenças de gênero em 20 países, quanto à mortalidade por Covid-19, revela que até março sete países não haviam apresentado dados detalhados por sexo em casos de coronavírus, o que dificulta análises. Entre os países estavam os Estados Unidos, que tem alto índice de contaminação. 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários