Polícia

Paciente de clínica de reabilitação mata motorista com facada no peito

Um motorista de 28 anos foi assassinado na madrugada desta sexta-feira (20), no Bairro Granada, em Uberlândia. De acordo com a Polícia Militar, a vítima era motorista de uma clínica de reabilitação em Ribeirão Preto e foi até Uberlândia para buscar o suspeito, de 34 anos, para ser internado.
O homicídio foi registrado na avenida Vereador Carlito Cordeiro. O motorista se deslocou para Uberlândia depois que o pai do paciente acionou o local para internar o filho, e durante o trajeto, ainda na cidade, o autor desferiu uma facada na região esquerda do peito da vítima.
O motorista foi socorrido por seu ajudante, que também estava no carro. Ele contou para a polícia que o paciente estava sendo internado por livre e espontânea vontade. Porém, no meio do caminho ele pediu para o motorista parar, mas a ordem não foi atendida. Em seguida, o homem golpeou a vítima com uma faca.
Ainda conforme a ocorrência, após o fato o suspeito desceu do carro e fugiu para um matagal levando a arma do crime. O auxiliar assumiu a direção e saiu à procura de uma unidade médica. No caminho, ele abordou uma ambulância que levou a vítima até a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do Bairro Pampulha.
O homem foi socorrido ainda com sinais vitais, mas em estado grave. Em seguida, ele sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), passou pela autópsia e foi liberado para ser levado a Ribeirão Preto, onde será enterrado.
Até o fechamento desta edição, o paciente suspeito de praticar o crime não havia sido localizado. A Polícia Civil irá investigar o caso.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.