Polícia

PM prende suspeito de tráfico com drogas na cueca no Fabrício

Papelotes de cocaína foram encontrados na cueca do suspeito

Mais um acusado de tráfico de drogas em estabelecimento comercial acabou preso pela Polícia Militar durante operação. Alguns entorpecentes foram encontrados dentro da cueca do suspeito.
A prisão aconteceu em um bar na rua Venezuela cruzamento com a avenida América no bairro Fabrício, onde após receber em denúncias anônimas que informavam sobre tráfico de drogas no estabelecimento comercial feito por frequentadores, policiais militares do Tático Móvel foram até o comércio eles abordaram vários suspeitos entre eles o jovem L.V.S.S., de 21 anos que tentou dispensar um embrulho contendo drogas.
Durante buscas pessoais foram encontrados três papelotes de cocaína dentro da cueca do suspeito e em buscas próximas há alguns sacos de lixo, eles encontraram um embrulho contendo mais drogas que tinham sido dispensadas pelo jovem que confessou a venda de drogas. A equipe ainda apreendeu R$ 510 em dinheiro com L., que foi preso em flagrante e levado para delegacia e apresentado ao delegado de plantão que confirmou a prisão. Na manhã de ontem ele foi encaminhado para a penitenciária em Uberaba. (JC)

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.