DestaquePolícia

Motorista é morto a facada pela amante no Parque das Américas

Acusada foi presa pela PM e levada para a penitenciária

Juliano Carlos

Um motorista foi morto durante briga com amante em Uberaba. A mulher foi presa pela Polícia Militar em uma ação rápida e a arma usada no crime apreendida.
De acordo com informações do tenente da polícia militar Robisvaldo Pereira os policiais militares do 67º Batalhão de Polícia Militar (BPM), foram solicitados para comparecerem na rua Antônio Policarpo de Campos no Parque das Américas, onde um casal estava brigando e um homem gritando por socorro após ter sido esfaqueado. As viaturas foram ao local e depararam com a vítima Cirilo Gonçalves Mendonça de 64 anos caído na via com sangramento ativo.
Uma ambulância de Unidade de Suporte Avançado (USA) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local e durante os atendimentos pré-hospitalares a equipe médica constatou que Cirilo foi esfaqueado no peito, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Os policiais iniciaram levantamentos entraram na residência onde ocorreu a briga e prenderam a suspeita de V.A.F., de 35 anos que era amante de Cirilo. Durante levantamentos os policiais descobriram que Cirilo era casado, mas mantinha uma relação extra-conjugal com V., e a motivação do crime foi por ciúmes porque ela estava na casa do vizinho comendo churrasco e durante a briga ela pegou uma faca e desferiu o golpe no peito do motorista. Após ser presa acusada confessou o crime dos policiais e disse que a faca estava escondida dentro do forno de um fogão. Eles encontraram a arma utilizada no crime que foi apreendida pelo perito criminal Cláudio Daniel Fonseca.
A acusada de homicídio V., foi presa em flagrante levada para delegacia e apresentado ao delegado de plantão Diego Paganucci Lody. Durante o depoimento ela disse que apenas se defendeu pois estava sendo agredida a chutes pelo amante. Após ter a prisão confirmada pela autoridade policial de plantão V., foi encaminhada para a Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira onde permanece à disposição da Justiça. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil em Uberaba.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.