Cidade

Procon realizará II Simpósio de Defesa do Consumidor do Triângulo Mineiro

Presidente da 14ª Subseção da OAB-MG, Eduardo Azank, abre as palestras

Celebrando a semana Internacional do Consumidor, a Fundação Procon Uberaba realizará o II Simpósio de Defesa do Consumidor do Triângulo Mineiro hoje, no anfiteatro da OAB Uberaba, às 19h. A abertura será do presidente da 14ª Subseção da OAB-MG, Eduardo Azank, e contará com a participação especial do prefeito, Paulo Piau.
O presidente da Fundação Procon de Uberaba, Marcelo Venturoso de Sousa, ministrará palestra sobre a defesa constitucional do consumidor e atuação dos Procon’s nesse sentido. Em seguida, o Juiz Federal, Osmane Antônio dos Santos discorrerá sobre a atuação do Poder Judiciário na solução consensual dos conflitos consumeristas. A partir das 20h15, será a vez do Promotor de Justiça, Carlos Alberto Valera, abordar a defesa coletiva do consumidor. Para fechar o simpósio, o advogado e professor universitário, Murilo Sapia Gutier falará sobre a defesa individual do consumidor em Juízo e fora dele.
A expectativa dessas ações é alcançar o maior número possível de consumidores para que sejam informados sobre seus direitos, conforme prescreve o Código de Defesa do Consumidor. O Procon acredita que a informação é a maior arma do contra a violação desses direitos.
As inscrições para o simpósio são gratuitas e terminam na quinta-feira (14). O interessado deve enviar e-mail com nome completo, CPF e telefone para inscricaosimposioprocon@gmail.com. Haverá emissão de certificados.

Pontapé – Ontem aconteceu na Casa dos Conselhos, dentro do Projeto Portas Abertas, palestra sobre “Direito do Consumidor PCD”, pelo responsável pelo Núcleo Permanente de Conciliação do Procon, Claudir Rodrigues.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.