Cidade

Reforma dos prédios da CMU começa nos próximos dias

Autorização para o início do serviço foi assinada durante ato no gabinete da presidência

Presidente da Câmara Municipal de Uberaba, vereador Ismar Vicente dos Santos Marão (PSD) assinou ontem a autorização para duas empresas darem início às obras de reforma do Paço Municipal Major Eustáquio, na praça Rui Barbosa, e do anexo da rua Coronel Manoel Borges. O ex-presidente do Legislativo, Luiz Humberto Dutra (MDB), participou do ato, uma vez que já havia assinado a Ordem de Serviço ao final de sua gestão. Também acompanhou o start do serviço o vereador Agnaldo Silva (PSD), ex-1º secretário da Mesa Diretora.
A partir de agora, as empresas mobilizam suas equipes para dar início efetivo ao serviço nos próximos dias. O prazo para a conclusão da obra é de quatro meses. A empresa Fahel Construtora foi a vencedora da licitação que prevê a pintura dos dois prédios e a Saniotto é a responsável por reparos nos telhados, esquadrias, portas, janelas e parte elétrica. O valor total do serviço é de R$ 375 mil e as duas empresas foram definidas por meio de licitação.
Os empresários Amaro Saniotto e Ubirajara Cassiano Rocha representaram as empresas na autorização para início das obras. O presidente da Câmara, Ismar Marão, ressaltou a importância do serviço para a conservação do imóvel e pediu aos construtores que tenham todo cuidado e zelo na execução, por se tratar de prédio histórico e pertencente à população de modo geral.
O ex-presidente Luiz Dutra, manifestou a sua alegria em saber que agora a obra de melhoria da estrutura do Paço Major Eustáquio vai realmente acontecer. Ele lembra que, há anos, como presidente da Câmara, tenta fazer a reforma, mas empecilhos de toda ordem criaram dificuldades e sempre o projeto era postergado.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.