Estado de Minas

Secretária de Desenvolvimento Social apresenta nova configuração

Propostas de trabalho foram mostradas aos deputados de várias comissões

A secretária de Estado de Desenvolvimento Social, Elizabeth Jucá, participou na quarta-feira (12), do terceiro dia de reuniões do projeto “Assembleia Fiscaliza”. Durante o encontro, a secretária apresentou a nova estrutura da Sedese após a reforma administrativa, que fica composta por cinco subsecretarias: Assistência Social, Trabalho e Emprego, Direitos Humanos, Esportes e Políticas sobre Drogas. “A nova Sedese voltou a ter estrutura similar à de 2003. Com isso, conseguimos viabilizar uma secretaria mais enxuta, mantendo as ações já executadas”, afirmou Jucá. Em seguida, a secretária também assegurou que apesar da fusão das pastas, nenhuma das políticas será descontinuada.
Reconhecendo o desafio orçamentário para viabilizar as políticas públicas para as áreas essenciais que englobam a Assistência Social, a secretária prontificou-se a lutar por recursos e parcerias para fomentar a geração de emprego e renda, reduzindo as desigualdades sociais, incluindo os jovens.
Também foi reafirmado pela secretária o compromisso de manutenção do pagamento regular do Piso Mineiro, recurso destinado ao financiamento de ações de assistência social nas cidades mineiras. Para contextualizar o cenário, Elizabeth Jucá explicou que conseguiu garantir R$ 2 milhões dos R$ 4,498 milhões que deveriam ser pagos mensalmente aos municípios, retomando o repasse que estava atrasado havia 23 meses.

Esportes – Uma das principais preocupações explanadas pelos deputados diz respeito à manutenção e fomento ao esporte no estado. A secretária reafirmou o compromisso de buscar recursos e parcerias para a realização das atividades esportivas, com a inclusão de idosos e pessoas com deficiência.
Outro esforço da secretaria é a realização do Jimi (Jogos do Interior de Minas Gerais). “Estamos discutindo a possibilidade orçamentária para a realização desta importante disputa esportiva”, disse a secretária.
Elizabeth Jucá também esclareceu sobre o pagamento da Lei de Incentivo ao Esporte e contextualizou a participação da pasta na organização da Copa América, que acontece neste mês com jogos no Mineirão.

Direitos Humanos e Defesa da Mulher – A secretária salientou a execução de políticas públicas importantes como assistência social e os direitos humanos, sob uma ótica transversal com parcerias com órgãos e outras secretarias. Ela falou sobre a ampliação de cursos de formação em Direitos Humanos, alcançando a marca de 30 mil vagas ofertadas por ano na modalidade EAD. “Também pretendemos abrir 5 mil vagas de cursos para Conselheiros Tutelares por ano em EAD”, adiantou.
A secretária apresentou ainda várias medidas, dentre elas a sistematização dos serviços de proteção às mulheres em situação de violência. O Centro Risoleta Neves de Atendimento à Mulher (Cerna), de acordo com a secretária, passa por reordenamento e ampliação do atendimento com perspectiva de integração dos serviços especializados de atendimento além da promoção de capacitações e qualificações em todas as regiões do Estado.
A reunião contou com a participação de parlamentares das comissões de Esporte, Lazer e Juventude – Direitos Humanos, Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Trabalho, da Previdência e da Assistência Social e de Defesa dos Direitos da mulher.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.