Cidade

Tribunal de Justiça em Uberaba usa videoconferência em julgamento

Os jurados na comarca assistiram ao interrogatório com o indiciado em São Luiz, no Maranhão

A comarca de Uberaba inovou com a realização de um interrogatório por meio do Sistema Nacional de Videoconferência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), na segunda-feira (15), durante um julgamento. Os jurados puderam acompanhar o interrogatório do réu via monitor.
Depois de ouvir as alegações de acusação e defesa e do interrogatório do juiz, o Conselho de Sentença sentenciou o réu julgou R.C.B., apontado como assassino de uma pessoa, em 2015. Ele foi condenado a 10 anos de prisão, em regime fechado.
O denunciado pelo Ministério Público estava preso em São Luiz (Maranhão), desde 5 de dezembro de 2015, à espera de seu julgamento. Como está recolhido no complexo penitenciário de Pedrinhas (Maranhão) e faltavam recursos para o transporte do detento, decidiu-se realizar o julgamento por videoconferência.
Segundo o magistrado que conduziu o julgamento, Fabiano Garcia Veronez, “a utilização dessa importante ferramenta gera enorme economia para os cofres públicos, bem como garantia da ordem pública, evitando-se, assim, o deslocamento dos presos e dos agentes penitenciários necessários para a segurança”.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.