Carlos Alberto Pereira - Vinhos & TalColunas

Vinhos & tal

Qual a Temperatura Ideal do Vinho?

Qual é a temperatura ideal para armazenar e servir o vinho? Talvez, esta seja uma das perguntas mais acessadas por quem gosta de vinhos e também um dos temas preferidos de blogueiros e jornalistas especializados. O que é bem comprenssível, já que estamos em um país tropical, com altas temperaturas e acostumados a beber cerveja bem gelada. Depois, existe uma regra que funciona nos países frios e de climas mais amenos, onde a maioria das pessoas serve o vinho tinto à temperatura ambiente.
Mas tudo isso parece um pouco vago, não é? Afinal, o que significa “temperatura ambiente”? Você deveria colocar vinho tinto no gelo? Por que a temperatura de servir é importante? São muitas as perguntas!
Com certeza, servir o vinho à temperatura certa irá ajudá-lo a melhor desfrutar de toda a riqueza que ele potencialmente tem! E olhe, os detalhes no mundo do vinho fazem uma diferença enorme, acreditem! Os cientistas do vinho descobriram que o sabor do vinho é afetado por uma série de fatores (pasmem) incluindo música, comida, temperatura e até mesmo preço. Sabiam?

Dicas de Armazenamento Refrigerado

 

 

 

 

 

 


Primeiro, é bom que se saiba que as flutuações de temperatura podem alterar a estrutura e o caráter do vinho ao longo do tempo. Por isso, se o vinho é refrigerado de forma inadequada, o processo de envelhecimento pode desacelerar, mudando seu aroma e sabor. Assim, armazenar e servir o vinho à temperatura correta, garante que esses riscos sejam minimizados.
De maneira geral, uma temperatura média entre 10ºC e 15˚C é adequada para armazenamento a longo prazo. Mas para consumo a curto prazo, as temperaturas mudam um pouco, principlamente do tipo de uva, a carga tânica que carrega e acidez, a sua complexidade, a graduação alcóolica, entre outros. Por exemplo:
Vinho tinto: entre 12-19˚C
Branco: entre 8-12˚C
Espumante: 5-8˚C
Mas, cuidado, evite temperaturas acima de 25˚C, pois isso pode “cozinhar” o vinho.
Hoje existem geladeiras exclusivas para a correta armazenagem do vinho e uma, de boa qualidade, oferecerá zonas diferentes para vinhos tintos, brancos e espumantes. Já se for uma adega ou uma sala levemente climatizada, também pode-se garantir uma temperatura consistente, o que é bom. Mas cima de tudo, evite choques de temperatura – mudanças rápidas de condições frias para condições quentes – o que pode danificar o vinho. Por exemplo: não armazene vinho ao lado de um equipamento que emita calor; não permita que a luz direta do sol ou a luz fluorescente cheguem às garrafas de vinho (o vinho sombreado é menos provável de estragar). Guarde as garrafas de vinho na horizontal, isso evita que a cortiça seque e impeça a entrada de ar na garrafa. Mas neste caso, é mais indicado para vinhos de guarda, aqueles que passaram por tonéis de carvalho, ficaram meses ou anos na vinícola e terão longa vida. Já um vinho que será consumido rápido, especialmente os do Novo Mundo, com expectativa de vida de no máximo 3 ou 5 anos, ou a rolha é de cortiça sintética ou o fechamento é de screw crap (rosca metálica), este já pode ser armazenado em pé sem nenhum prejuízo à sua qualidade.
Sugestões para servir
Para vinhos mais complexos, com taninos bem acentuados e principalmente vinhos de guarda, com muitos anos de armazenamento, é necessário o uso do Decanter, um tradicional aerador, pois com maior área de respiração este vinho chegará à temperatura do ambiente, irá liberar seus aromas e sabores, proporcionando um maior prazer e aproveitamento das qualidades deste vinho ao degustar.
Uma outra dica, especialmente aos vinhos brancos, rosés e espumantes, é uma mistura de gelo e água fria em um balde, para levar o vinho até a temperatura ideal e manter.
Ao servir o vinho, atente para despejar os vinhos tranquilos em direção ao centro do copo e os espumantes contra o lado, para preservar as bolhas ou perlages.
É importante considerar a forma do copo de vinho que você está usando. Isso tem um efeito mais profundo do que você imagina.
Preserve o vinho inacabado de maneira apropriada. Rolhas de garrafa de vinho são uma boa maneira de manter o vinho fresco. Mas atenção ao tempo que for ficar na geladeira, pois o vinho depois de aberto não dura mais que 72 horas na geladeira. Agora, quando usar um aparelho próprio para tirar o ar e fechar de forma adequada, ai consegue-se uma duração de até uma semana. Não mais! Hoje existem no mercado aparelhos à venda para esta finalidade.

Algumas dicas de tipos de vinhos e temperatura ideal
É importante deixar claro que para cada variedade de vinho há uma temperatura própria e ideal. Como já disse, terroir, tipo de casta, processo de vinificação, graduação alcóolica, complexida e corpo, entre outros, definirão a melhor temperatura para consumir com o máximo proveito e prazer este vinho.
Aqui está uma lista de alguns, apenas como exemplo (variando do mais quente ao mais frio):

Portugal, Porto Vintage 17˚C
Austrália, Shiraz 16˚C
Chile, Cabernet 16˚C
Espanha Rioja, tempranillo 16 ˚C
Itália Chianti, 15 ˚C
França, Beaujolais, Rosé 12˚C
França,Viognier, Sauternes 11˚C
França, Borgonha Chardonnay 9 ˚C
Alemanha, Riesling 8 ˚C
Champanhe, vinhos espumantes, vinhos de sobremesa 7 ˚C

Enfim, existem muitas outras dicas de como melhor aproveitar o vinho, seus sabores e aromas. Uma rápida pesquisa na internet você terá muitas outras iformações sobre o tema. Mas que fique bem claro que, dentre as várias peculariedades do vinho, a temperatura é a que exige uma atenção fundamental na hora de servir!
Um brinde!

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Fechar