Polícia

Vítima de queda de altura não usava EPI na hora do acidente

Bombeiros socorreram o pintor ferido no Centro

Vítima de queda de altura na área central não usava Equipamento de Proteção Individual (EPI). O homem ferido continua internado.
O acidente de trabalho aconteceu no Calçadão da rua Artur Machado quando a vítima R.S.R., 55 anos, trabalhava sobre uma escada fazendo a pintura da fachada de uma loja. Porém, em determinado momento a escada de plástico se partiu e ele foi arremessado com a cabeça no chão, ficando ferido. Testemunhas que presenciaram a queda ampararam a vítima e chamaram socorro (via 193).
Uma viatura de resgate do Corpo de Bombeiros foi ao local e durante os atendimentos pré-hospitalares eles constataram que o pintor sofreu corte contuso na cabeça e suspeita de traumatismo craniano. A vítima foi encaminhada para a UPA do bairro São Benedito, onde permanece internado. (JC)

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.