Cidade

VLI estreita relações com economia local

Arnaldo Barros, Gestor de Planejamento e Processos do Terminal de Uberaba, José Peixoto, presidente da Aciu, Roberta Mathias, Relações Institucionais VLI, Anderson Cadima, vice-presidente da Aciu e José Renato Gomes, secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo

A VLI, empresa de logística que administra o Terminal de Uberaba, marcou presença na última edição do “30 minutos com a Aciu”, realizada na segunda-feira (15). O projeto desenvolvido pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Uberaba – Aciu conta com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo e promove o encontro de empresas da região para fomentar novos negócios.
Uma equipe da VLI apresentou a companhia e destacou o terminal de Uberaba – ativo que recebe grãos e açúcar do modal rodoviário e transfere as cargas para a Ferrovia Centro-Atlântica. Cerca de 30 empresários participaram da assembleia.
A VLI tem o compromisso de apoiar a transformação da logística no país, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Escolhida como uma das 150 melhores empresas para se trabalhar pela revista Você S/A pelos últimos quatro anos e a melhor do segmento de Serviços de Transporte pela Istoé Dinheiro em 2018, a VLI transporta as riquezas do Brasil por rotas que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.